Rodriguinho, do Corinthians, revela bastidores de sondagem do Flamengo

Rodriguinho, do Corinthians, revela bastidores de sondagem do Flamengo

Sondado para reforçar o Flamengo em abril, Rodriguinho sempre negou que estaria em negociações com o clube carioca. Mas o meia, principal destaque do Corinthians na atual temporada, resolveu revelar os bastidores da situação, em entrevista publicada nesta segunda-feira no canal “Pilhado”, do YouTube, do jornalista Thiago Asmar.

No vídeo, Rodriguinho revela o momento de fúria do presidente Andrés Sanchez ao chamá-lo para questionar sobre os rumores de uma possível ida dele para o Flamengo. O nome de Rodriguinho passou a ser ligado ao Rubro-Negro por conta da saída do meia-atacante Everton.

— Os caras não falaram comigo, não me procuraram. Foi até engraçado, porque do nada o Andrés chega aqui um dia no clube e me chama. Falou: “vem aqui na sala”. Pensei: “Na sala? Tem alguma coisa. Mer** não fiz… Estou tranquilo”. Falei: “Que foi?”. Já começou a me xingar todo: “Que Flamengo o quê?”. Falei: “Ô, irmão, calma. Não estou sabendo de nada”. Aí ele foi e se desarmou, porque ele achou que eu sabia. Aí ele começou a xingar meu empresário, falou que ia xingar se ligasse. Aí pedi calma, falei que só estava sabendo naquela hora. Ele falou: “Você não vai sair daqui, o caral***”. Naquele jeito dele, né? Meu Deus do céu. Aí conversamos e ficou tudo bem – disse ao canal.

Rodriguinho falou sobre outros assuntos, como o seu momento no Corinthians, o namoro com a bailarina do Faustão, Fernanda Batista, a Fernanda Batista, a fama de baladeiro e a chance de conseguir ser chamado pelo técnico Tite pela seleção brasileira para Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

"Não tinha hora melhor para essa boa fase. Acredito na vaga para a Copa do Mundo. O Tite deve estar de olho", disse Rodriguinho que ainda afirmou que "no futebol, tem que ter estrela".