| Futebol

Saiu a tabela do brasileirão

Semifinal da primeira liga

 O ideal seria jogarmos verdadeiramente em casa, no hoje inviável  Maracanã ou num estádio de bom nível na Cidade ou mesmo no Estado do Rio de Janeiro. Mas depois das já tradicionais birras da FERJ, parece que Brasília será a principal casa rubro-negra neste importante campeonato. 

Outra questão é que começaremos o campeonato como mandantes contra o Sport Recife e faremos a última partida contra o Atlético Paranaense  na casa deles, provavelmente na Arena da Baixada, gostaríamos  que fosse o contrário, com o Flamengo finalizando sua participação em casa e nessa altura já no Maracanã. De qualquer forma um transtorno as constantes viagens, uma forma de desgaste para os jogadores, mesmo que em alguns mandos de campo deveremos jogar em Volta Redonda contra equipes de menor apelo. 

O mais importante é que no início do brasileirão o time já esteja "azeitado",  com as peças e linhas da equipe em plena harmonia técnica, um time forte e competitivo será a receita para o problema de se jogar fora do nosso principal habitat. 

Num campeonato de 38 rodadas um elenco forte será primordial, mais do que apenas um bom  time, devido a essa questão cremos que mais alguns reforços seriam primordiais, além do zagueiro prometido, mais um homem para o meio campo e quem sabe um  atacante para repor a perda do Kayke  e  dar mais opções no setor para o treinador Muricy. existe ainda a possibilidade da saída do Guerrero no meio do ano, com certeza as dificuldades financeiras serão um empecilho para o ideal de se reforçar mais o elenco.

Certamente o brasileirão será o principal alvo de conquista do Flamengo , a chamada "cereja do bolo", neste momento de  resgate do nosso "carro chefe"  depois de alguns anos de decepções. 

Na pior das hipóteses uma classificação para a Taça Libertadores, mas pelos menos pra nós ficaria com um gostinho de premio de consolação, o ideal para todos  os  rubro-negros seria a conquista do título... Quem sabe!!!

 

Semifinal da primeira liga

Vamos jogar contra o Atlético Paranaense, ter o mando de campo e se vencermos enfrentar o vencedor de Fluminense x Internacional/RS. Uma vitória nos colocará na final do revolucionário torneio. Seria fundamental ganharmos a Primeira Liga, um título a mais em nossa extensa galeria e com a marca de nossa indignação.  O Flamengo ao lado do Fluminense  foi o fomentador de sua existência, foram  os dois  clubes que mais sofreram  represálias por sustentarem a sua realização, sofreram sanções e ameaças. Um FLA X FLU na finalíssima seria uma bela resposta a Euricos, Rubinhos e cia.

Esta Primeira Liga também poderá ser uma espécie de embrião de uma LIGA NACIONAL , que de fato poderá administrar os destinos do Futebol Brasileiro, chega de CBF com suas negociatas , suas armações e a sua quadrilha de coveiros do nosso futebol....

A Primeira Liga, um ato de rebeldia e  em busca de independência, com o Flamengo mais uma vez na vanguarda.

 

Histórias Rubro-Negras

1981

Vamos exaltar o grande ano da conquista do mundo pelo Flamengo, mais um ano glorioso na rica trajetória do mais querido do planeta. 

Em menos de um mês Campeão Carioca , Campeão da Taça Libertadores e Campeão do Mundo, também ganhamos mais uma Taça Guanabara, o Torneio Quadrangular de Nápolis Itália e o Torneio Quadrangular de Punta Del Leste Uruguai, desta vez ficou faltando o brasileirão, fomos eliminados no famigerado mata mata numa tarde/noite infeliz contra o Botafogo. Também este ano tivemos um desafio entre Zico e Maradona no Maracanã, nosso grande ídolo deu um verdadeiro show e assinalou dois gols no outrora maior estádio do mundo, Flamengo 2 x 0 Boca Jrs com o Andrade marcando o craque argentino sem sequer cometer uma única falta durante o jogo todo. Também tivemos este ano o jogo do chororô do "pão de queijo", quando o time de "anjinhos"do chamado galo de Minas Gerais resolveu "melar" o jogo no lotado Estádio do Serra Dourada em Goiania.

No Quadrangular de Nápolis um 5 x 0 diante do Napoli com três gols de Zico, um  de Adílio e um de Nunes, ao final, a torcida italiana aplaudiu de pé a exibição do Flamengo,  no Quadrangular de Punta Del Leste um 3 x 0 no Penarol com gols de Anselmo, Lino e Peu, na final do carioca contra o Vasco um 2 x 1 com Adílio e Nunes marcando os gols, um primeiro tempo de sonhos, parecia uma máquina de jogar futebol, decisão da Libertadores contra o violento e desleal Cobreloa do Chile, um 2 x 0 na negra com dois golaços de Zico, neste memorável jogo Leandro atuando no meio campo foi a maior figura do jogo, ao final, o atacante Anselmo lavou a alma da Nação Rubro-Negra desferindo um soco na cara do zagueiro Mario Soto, que atuava com uma pedra na mão, para atingir os nossos craques e finalmente o êxtase do Campeonato Mundial em Tóquio diante do favorito Campeão Europeu Liverpool , um triunfante e inquestionável 3 x 0 com dois gols de Nunes e um de Adílio. UMA CONSAGRAÇÃO!

Mais recordes de público e renda, explosão da massa Rubro-Negra por todos os recantos do Brasil e além fronteiras.

Jogamos 78 jogos com 48 vitórias, 21 empates e apenas 9 derrotas, cerca de 75 % de aproveitamento nos jogos realizados, 166 gols marcados e levamos  60 gols, um admirável saldo de 106 gols, desta vez o maior artilheiro foi o Nunes com 48 gols, seguido de Zico com 45, Adílio 17, Tita 10, Baroninho 9, Peu 6 e assim por diante.

O time base foi Raul, Leandro, Marinho, Mozer e Júnior, Andrade, Adílio e Zico, Tita, Nunes e Lico, ainda foram importantes Cantarelli, C.Alberto, Nei Dias, Figueiredo, Vitor, Carpegianni, Anselmo, Peu, Baroninho etc . No início da temporada o meio campo Carpegianni ainda atuou em diversos jogos, depois acabou sendo o treinador nas grande conquistas Rubro-Negras...

SRN


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.