| Futebol

São Paulo ignora assédio do Fla e garante permanência do Fabuloso

Gerente tricolor diz que atacante está nos planos para o ano que vem e garante que fará de tudo para que contrato até dezembro de 2015 seja cumprido

Luis Fabiano São Paulo (Foto: site oficial / saopaulofc.net)Luis Fabiano é o artilheiro do São Paulo na temporada 2014 (Foto: site oficial / saopaulofc.net)

O técnico Vanderlei Luxemburgo indicou, o Flamengo procurou, mas o São Paulo não vai liberar o atacante Luis Fabiano. Pelo menos é o que garante o gerente de futebol do Tricolor, Gustavo Vieira de Oliveira. Ele disse que o camisa 9 cumprirá contrato até 31 de dezembro de 2015 e reprovou a atitude dos dirigentes rubro-negros, que, segundo ele, conversaram com o Fabuloso na semana passada sem procurar a diretoria do clube do Morumbi.

- Até agora, não fomos procurados por ninguém. E quero deixar claro que não temos o menor interesse em liberar o Luis. Ele é patrimônio do clube, ídolo da torcida, além de acrescentar muito tecnicamente e ao ambiente do grupo de jogadores. Vou fazer o que precisar para segurá-lo aqui. O Luis é um grande atacante e precisamos dele ao nosso lado – afirmou o dirigente tricolor.

Ele é patrimônio do clube, ídolo da torcida, além de acrescentar muito tecnicamente e ao ambiente do grupo de jogadores. Precisamos do Luis do nosso lado"
Gustavo Vieira de Oliveira

O vice de futebol do Flamengo, Alexandre Wrobel, e o diretor executivo do clube carioca, Felipe Ximenes, estiveram na capital paulista na última semana e conversaram com o atacante, que segue como artilheiro do São Paulo na temporada com 18 gols. O atacante não havia viajado com a delegação para Guayaquil, onde o Tricolor paulista eliminou o Emelec pelas quartas de final da Copa Sul-Americana, por estar suspenso.

Gustavo Vieira não quis comentar, mas claramente ficou descontente com o fato de os flamenguistas terem passado por cima do São Paulo e falado direto com o jogador.

- Eles é que devem falar sobre isso - cortou.

O gerente diz que o atacante faz parte do planejamento que já está sendo montado para o ano que vem, que é manter a forte base desse ano e trazer apenas peças pontuais.

- Estamos querendo trazer alguns jogadores. Não tem sentido me desfazer de um jogador como o Luis Fabiano – ressaltou.

Luis Fabiano, por enquanto, diz que a decisão está nas mãos da diretoria do São Paulo. Em várias ocasiões, ele já manifestou o descontentamento com a reserva.

- O futuro a Deus pertence. A única coisa certa é que tenho mais um ano de contrato e acho que vou cumprir, mas não posso falar do futuro. Se tiver disposição das duas partes em continuar, vou sentar e conversar, mas não posso dar certeza de nada – afirmou o atleta, ainda em Salvador, logo após o triunfo sobre o Vitória por 2 a 1, pelo Campeonato Brasileiro, no último domingo.

Luis Fabiano gol São Paulo x Vitória (Foto: Rubens Chiri / Ag. Estado)Atacante marcou um dos gols do triunfo de 2 a 1 sobre o Vitória, no último domingo (Foto: Rubens Chiri / Ag. Estado)



Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.