| Futebol

‘Se Vinicius jogasse no Flu ou no Botafogo, já seria o melhor do time’, diz agente

flameng - ‘Se Vinicius jogasse no Flu ou no Botafogo, já seria o melhor do time’, diz agente

O destino de Vinicius Júnior será o Real Madrid. Enquanto isso, o jovem de 17 anos tem ganhado experiência no time profissional do Flamengo. O empresário do jogador, Frederico Pena, concedeu entrevista ao jornal espanhol “Marca” e afirmou que o atacante “é vítima de seu próprio sucesso”, já que sua venda por 45 milhões de euros (cerca de R$ 164 milhões) ajudou a reforçar os cofres do Flamengo, mas lhe tirou espaço.

“Não é normal no Brasil que um garoto de 16 ou 17 anos jogue sempre em sua primeira temporada. Todos os grandes começaram depois. Quando ele jogou, foi porque não havia veteranos em sua posição. Com o dinheiro que ganhou por sua venda, o Flamengo contratou dois jogadores de sua posição. Pode-se dizer que Vinicius foi vítima de seu próprio sucesso”, disse o empresário.

O agente fez uma comparação entre Vinicius Júnior e Neymar, quando o craque estava no Santos antes de ser transferido ao Barcelona. Para o empresário, o flamenguista seria destaque de outros clubes, como Fluminense e Botafogo, algo que não acontece no Flamengo, já que nem sempre entra no jogo.

“O Santos usava Neymar não porque era o melhor. Se tivesse tido 20 milhões de euros para contratar jogadores consagrados, não teria jogado. Se Vinicius jogasse no Fluminense ou no Botafogo, já seria o melhor da equipe. O Real Madrid pagou 45 milhões (e euros não pelo que Vinicius é hoje e sim pelo que será no futuro. As pessoas esperam que faça algo que ninguém fez, nem Neymar, nem Ronaldo, nem Cristiano, nem Messi... Não é um extraterrestre. Com 17 anos, nem o atacante de 21 anos do Real Marco Asensio jogava o que Vinicius joga hoje”, acrescentou.

Fonte: https://extra.globo.com/esporte/flamengo/se-vinicius-jogasse-no-flu-ou-no-botafogo-ja-seria-melhor-do-time-diz-agente-21732496.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.