| Futebol

Semifinalista da Taça BH, equipe Sub-17 ilustra prioridade com o processo formativo dentro das categorias de base do Flamengo

Trabalho verticalizado realizado pelo futebol de base prova que o processo é realizado de forma correta dentro do clube

flameng - Semifinalista da Taça BH, equipe Sub-17 ilustra prioridade com o processo formativo dentro das categorias de base do Flamengo

Foto: Valdir Santiago

Classificada para a semifinal da Taça BH, uma das principais competições da categoria no país, com uma campanha quase perfeita de quatro vitórias (Ponte Nova, Paraná, Grêmio e Novorizontino) e um empate (Vitória, e consequente classificação na disputa por pênaltis), a equipe Sub-17 do Flamengo segue firme em busca do título da competição, e na tarde desta segunda-feira (23) enfrentará o Palmeiras por uma vaga na final, com transmissão ao vivo do SporTV, às 16 horas. 

Com o objetivo primordial de formar atletas e dar oportunidade a todos os jogadores do elenco de atuarem e acelerarem o seu processo formativo, o trabalho de excelência que há anos é realizado de maneira satisfatória pelas categorias de base do Mais Querido segue colhendo frutos e dando resultados. O clube se preocupa principalmente com a formação de seus atletas, gerando a eles uma bagagem cada vez maior dentro de competições e viagens e atendendo a todas as demandas, mas sem deixar de manter o altíssimo nível e a sempre brigar pelo título de todas as competições que disputa, sejam elas estaduais, nacionais ou internacionais.

Sócio-torcedor tem mais Flamengo em campo: o dinheiro vai para o Futebol e traz mais reforços, revelações e estrutura no CT! Clique e sinta o orgulho de ser sócio-torcedor.

Campeã da Taça Guanabara no início do mês de julho após derrotar o Botafogo na final, a equipe Sub-17 do Flamengo ilustra bem todo esse processo. Logo após a conquista do primeiro turno do Campeonato Estadual, os Garotos do Ninho viajaram para a disputa da Taça BH sem cinco de seus principais jogadores (Pedro Caraocci, Pablo, Wendel, Yuri e Vitor Gabriel), que continuaram no Rio de Janeiro e foram integrados a uma equipe Sub-19 que disputaria o importante e tradicional Torneio de Durban, na África do Sul, com a presença de grandes equipes europeias. Além de dar a esses atletas a oportunidade de realizarem uma viagem internacional, vivenciarem uma nova cultura e atuarem em um torneio internacional de alto nível jogando em uma categoria acima da sua faixa etária, a ação deu a cinco atletas nascidos entre os anos de 2000 e 2001 a oportunidade de integrarem o elenco que disputa a Taça BH e, da mesma forma, acelerarem sua maturação e seu processo formativo como um todo.

"Dentro de uma perspectiva formativa, o clube optou por mandar alguns atletas que acabaram de ser campeões da Taça Guanabara Sub-17 para o tradicional Torneio de Durban Sub-19, na África do Sul, com a presença de grandes equipes. Com isso, temos algumas consequências positivas dentro desse processo. As principais delas passam por oportunizarmos a ida de cinco atletas nascidos em 2000 e 2001  para a disputa da Taça BH, espécie de campeonato brasileiro da categoria. Dessa forma, provamos mais uma vez, que o principal objetivo do clube em suas categorias de base é com o processo formativo dos atletas e a evolução diária dos mesmos, aliadas à valorização da vertente competitiva presente no DNA rubro-negro", explicou Kadu Borges, coordenador das categorias de base do Flamengo.
Durante essa semana, já com a Taça BH em andamento, o Torneio de Durban foi cancelado pela organização. Apesar de estar atuando sem cinco dos principais expoentes da categoria, a equipe Sub-17 segue realizando uma excelente campanha na competição, e está classificada de maneira invicta para a disputa da semifinal da competição. O resultado dentro de campo, aliado ao trabalho verticalizado realizado fora dele, prova que o processo formativo é realizado de forma correta, e que, conforme seu DNA manda, "craque o Flamengo faz em casa".

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/25735/semifinalista-da-taca-bh-equipe-sub-17-ilustra-prioridade-com-o-processo-formativo-dentro-das-categorias-de-base-do-flamengo

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.