Senado federal aprova projeto de lei que regulamenta o esporte eletrônico

Senado federal aprova projeto de lei que regulamenta o esporte eletrônico

Após o Flamengo abrir uma nova modalidade, o esporte eletrônico, boas notícias para este mundo não param de surgir. A Comissão de Ciência e Tecnologia aprovou, na última quarta-feira (18), o PLS 383/2017, que visa a regulamentação dos esportes eletrônicos no Brasil. O projeto contempla atividades competitivas que envolvem jogos de videogame, computador e gadgets.

— O projeto, a ser analisado em decisão terminativa pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), garante a liberdade da prática dos e-sports, estabelecendo como objetivos da modalidade o estímulo à boa convivência, ao fair play, à construção de identidades, o combate aos discursos de ódio que podem ser passados “subliminarmente” pelos jogos e o desenvolvimento de habilidades nos praticantes – diz a página oficial do Senado.

Com a aprovação da comissão, novas “regras” deverão ser seguidas nas empresas:
1. Os jogadores deverão ser reconhecidos como atletas;
2. Haverá combate contra práticas descriminatórias;
3. 27 de junho passa a ser o Dia Nacional do Esporte Eletrônico.

A próxima fase do Projeto de lei é a votação na Comissão de Educação. Se for aprovado sem emendas, segue para a Câmara dos Deputados.