| Futebol

Shakhtar ciente, terrorismo e cautela no Flamengo: o caminho por Fred

Clube ucraniano já conhece a proposta rubro-negra e jogador se movimenta por última cartada para acertar sua transferência até o fim de 2015

Fred Shakhtar Donetsk (Foto: Reprodução / Site oficial )Fred, do Shakhtar Donetsk, está na mira do Flamengo (Foto: Reprodução / Site oficial )

O cerco está fechando e a janela de transferências internacionais acaba na quarta-feira. Ainda que cauteloso, o Flamengo tem esperança de se reforçar e o volante Fred, do Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, segue como alvo. O clube já tomou conhecimento da proposta rubro-negra e o jogador se movimenta para conseguir sua liberação.

Na noite de sábado, depois da vitória sobre o Metalist, Fred teve uma conversa com o técnico Mircea Lucescu. Nela, explicou seus motivos para querer deixar a Ucrânia e passar algum tempo no Brasil. Apresentou a ele alguns pontos da proposta do Flamengo.

Nos últimos dias, o medo de Fred em permanecer na Ucrânia aumentou. Na ida a um shopping, esbarrou no local fechado por uma ameaça de bomba. O país vive uma guerra e o jogador chegou a fazer parte de um grupo de brasileiros que sumiu, ameaçando deixar o Shakhtar.

Fred acabou sendo um dos primeiros a retornar. O jogador é considerado de futuro promissor no clube. A expectativa é de um bom lucro depois de pagar 15 milhões de euros ao Internacional para contratá-lo no ano passado.

A proposta do Flamengo apresenta uma tentativa de compra de um percentual do atleta e uma possibilidade de parceria com o clube ucraniano. O empréstimo então seria até o fim de 2015. Vale lembrar que o Internacional também formalizou seu interesse, mas apenas em ter Fred emprestado.

Os empresários de Fred, Assis e Alexandre Lima, seguem à  espera do aval do Shakhtar para que possam dar sequência à negociação. A operação precisará de rapidez para ser concluída, possibilitando a regularização de Fred até quarta-feira.

Mesmo com o reconhecimento de que a proposta foi bem recebida pelos ucranianos, no Flamengo a negociação é tratada com cautela. No clube carioca, existe a certeza de que há condições de contratar o jogador, mas o temor da não liberação para deixar o país.

O contrato de Fred com o Shakhtar vai até o meio de 2018. Com a possibilidade de negociação, uma das necessidades seria aumentar o tempo do vínculo por mais um ano, terminando apenas em 2019. A decisão é esperada até segunda-feira.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.