De acordo com o site ​UOL Esporte, o tribunal divulgará na segunda-feira detalhes da denúncia contra o Alviverde, em virtude do comportamento dos torcedores contra os diretores flamenguistas. O procurador Alamiro Velludo Salvador Netto se baseia em uma nota do site GloboEsporte para justificar o pedido de punição ao Palmeiras. O relato do vice-presidente de administração do Flamengo, Rafael Strauch, também consta no documento.

Apesar disso, chamou a atenção da reportagem o fato de que os vídeos que circulam pelas redes sociais, com provocações rubro-negras, foram praticamente ignorados. Chegaram a ser mencionados, mas não serviram de qualquer prova para embasar um pedido também contra o Fla, segundo o site. Apenas contra o Palmeiras.

Os paulistas foram denunciados com base no artigo 213, inciso 1 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva: "deixar de tomar providências capazes de prevenir desordens em sua praça de desporto".