| Futebol

SOBROU PRA NÓS !

ANTES QUE SEJA TARDE

Mais uma semana sem o menor tesão de ler jornais, sem interesse em assistir resenhas de TV e até fugindo do noticiário esportivo na Internet. QUE MERDA !!!

Não que me preocupe tanto com nossa situação na tabela. Não MESMO ! Tenho CERTEZA que, já já, a gente sai dela. Me preocupa, e MUITO, o RÓTULO que ela carrega. Se fossem os mesmos sete pontos, mas na frente de alguém, o peso já não seria o mesmo. Isso porque, na mesma medida que houve uma ENORME divulgação da Marca Flamengo durante a Copa, o resultado final acaba sendo o inverso do esperado. Expõe o clube que inspirou a camisa da Seleção Campeã do Mundo, como o LANTERNA do Campeonato Nacional de seu país. O que seria uma IMENSA propaganda da nossa imagem, se transformou em uma tremenda exposição do nosso vexame.

E, como já podemos perceber através do noticiário, criou-se o cenário ideal para que os ABUTRES de sempre, maiores responsáveis pela nossa penúria financeira, tentem recuperar espaço na mídia e o comando político do clube, justamente quando este, pela primeira vez em décadas, dá sinais de uma administração profissional. Isso seria uma tragédia ainda maior do que uma queda de divisão. Seria o rebaixamentol da nossa dignidade, do Flamengo como instituição. Uma confissão de incompetência.

Acho apenas, como já escrevi em uma coluna passada, que nossos atuais gestores deveriam olhar com mais atenção para a política de preço dos ingressos. O Flamengo precisa MUITO que a “Favela” volte a frequentar os estádios e entre em campo para jogar junto, como sempre fez. Atuando para públicos inferiores a 10 mil pessoas, em um estádio do tamanho do Maracanã, vai ser consideravelmente mais complicado reverter o essa situação.

Entendo as vaias, as críticas, a revolta da torcida, mas acho que a hora é de ir dar aquele grito de “MENGÔÔÔÔ” que sai lá de dentro, mesmo com o time jogando mal, mesmo com a equipe parecendo um bando, mesmo sentindo vontade de abandonar o estádio antes do final, mesmo tomando um sacode, mesmo querendo esganar treinador e alguns jogadores.

Com raríssimas excessões, não acredito que NENHUM jogador esteja confortável diante da situação. Jogadores são vaidosos, gostam de ser reconhecidos e reverenciados nas ruas e redes sociais, de se sentirem queridos pelos seus torcedores e elogiados na mídia. Não de saírem escondidos, de cabeça baixa, sendo agredidos e ofendidos até a última geração.

Não estou aqui para defender nem crucificar ninguém e espero que compreendam que será com esse grupo que está aí (mais uns dois ou três jogadores medianos), que teremos que reverter o quadro atual. E também que é muito difícil para um grupo, CLARAMENTE com limitações, inseguro, ridicularizado pela mídia e chamado de Sem Vergonha pela própria torcida, sair da situação que está sem o nosso apoio.

Não estou menos revoltado, não estou menos temeroso, não estou menos decepcionado, não estou menos triste, que nenhum de vocês. Estou me sentindo como se meu filho tivesse tomado um monte de porradas na rua e chegasse em casa todo arrebentado. O que eu faria? Daria mais algumas para expressar minha revolta? Curativo para a equipe neste momento é engolir em seco nossa decepção e ir lá tentar fazer a diferença.

Vamos deixar para expor nossa revolta e as críticas, quando estivermos aqui. O espaço é para isso mesmo. Xinguem, reclamem, critiquem, ofendam (apenas elenco, treinador e direção, ok?), descarreguem todas suas raivas e decepções. Mas quando estiverem lá, até mesmo por uma questão de inteligência, é preciso entender que o momento EXIGE nosso apoio INCONDICIONAL nas arquibancadas. Melhor começar agora, do que ser na base do desespero daqui a algumas rodadas ou no ano que vem, já com o coração esfacelado. O momento é EXTREMAMENTE GRAVE e EXIGE nossa compreensão, disposição e participação IMEDIATA.

 

PRA CIMA DELES, MENGÃO !!!


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.