| Futebol

STJD ameaça interditar São Januário após violência em Vasco x Flamengo

Procurador-geral Felipe Bevilacqua encaminhará denúncia contra o Vasco até terça

O prejuízo do Vasco pode ir além da perda de dez mandos de campo, pelo incidente ocorrido no último sábado, na derrota por 1 a 0 pra o Flamengo. O procurador-geral do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Felipe Bevilacqua, encaminhará a denúncia contra o clube na próxima segunda-feira, no mais tardar na terça. E já admite que, independentemente do julgamento, o estádio de São Januário poderá ser interditado a exemplo do que ocorreu em junho com o Serra Dourada, em Goiás.

- Podemos pedir a interdição do estádio ao menos até o julgamento, quando o clube poderá perder até dez mandos de campo e ser obrigado a pagar uma multa. Mas é preciso lembrar que esse assunto ultrapassa nossa competência, pois estamos falando de pessoas que praticam assassinato. O caso está sendo avaliado com muito critério pela procuradoria - disse Bevilacqua.

O procurador-geral do STJD admite que a interdição pode se prolongar bem mais. No caso do Serra Dourada, interditado por uma semana, a liberação ocorreu depois que o clube instalou uma barreira entre a arquibancada e a geral. O STJD tentará detectar se há alguma precariedade em São Januário.

- Não temos o poder de fiscalizar, mas contamos com os órgão públicos. No caso do Serra Dourada, descobrimos o "defeito" e pedimos que fosse construída uma barreira. Se detectarmos um problema em São Januário, interditamos e, nesse caso, o clube e os órgãos públicos, quando acharem que o estádio está novamente apto, terão de provar isso. O Serra Dourada só foi liberado quando foram instaladas as grades de proteção e os órgãos públicos deram o ok.

Fonte: https://oglobo.globo.com/esportes/stjd-ameaca-interditar-sao-januario-apos-violencia-em-vasco-flamengo-21570564

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.