| Futebol

Sub-17 derrota Botafogo no tempo normal e nos pênaltis, e é campeão da Taça Guanabara

Vitória na Gávea por 2x1 nos 90 minutos e por emocionantes 9x8 nos pênaltis dá título aos Garotos do Ninho, que já estão garantidos na final do Campeonato Estadual da categoria

flameng - Sub-17 derrota Botafogo no tempo normal e nos pênaltis, e é campeão da Taça Guanabara

Foto: Valdir Santiago

Após perder a partida de ida por 4x3 semana passada no Engenhão, que deu fim a uma invencibilidade de mais de dois anos na categoria, a equipe Sub-17 do Flamengo entrou em campo na tarde deste domingo (09.07) para enfrentar novamente o Botafogo, na final da Taça Guanabara, sabendo da necessidade da vitória e decidida a impor sua superioridade técnica para conquistar o título. A estratégia deu certo. Contanto com o apoio da torcida, que compareceu em ótimo número ao Estádio da Gávea e superior durante os 90 minutos, o Mais Querido venceu o clássico por 2x1 (Vitor Gabriel [2]) no tempo normal, resultado que levou a decisão para a cobrança de penalidades. 

Muito frios e precisos, os atletas rubro-negros testaram o coração da torcida e precisaram passar por emocionantes dez séries (apenas os goleiros não cobraram), para vencerem por 9x8 e levantarem o título do primeiro turno, confirmando a melhor campanha da competição, e garantindo assim a vaga na decisão do Campeonato Estadual. Caso também vença a Taça Rio, os Garotos do Ninho serão mais uma vez campeões cariocas sem a necessidade de disputar a final, como aconteceu no ano passado.

O jogo

Aos 8 minutos, o Flamengo chegou com perigo pela primeira vez, em bom chute de fora da área do meia Yuri. Aos 11, a arbitragem assinalou pênalti polêmico a favor do Botafogo. Elivelton cobrou para fora. Aos 14, Patrick cobrou falta para boa defesa de André. Aos 20, o Mais Querido criou sua melhor chance até então na partida. Vitor Gabriel tocou para Marx, que tentou fazer de voleio, mas a bola foi sobre o gol botafoguense. Aos 25, Yuri bfinalizou da entrada da área para mais uma boa defesa do goleiro André. O Rubro-Negro era muito melhor no jogo e pressionava em busca do primeiro gol. No último lance do primeiro tempo, a superioridade rubro-negra finalmente se traduziu em gol. Yuri cobrou escanteio na cabeça de Vitor Gabriel, que raspou para abrir o placar.

Logo no primeiro minuto da segunda etapa, os Garotos do Ninho ampliaram o marcador. Vitor Ricardo cruzou e novamente Vitor Gabriel cabeceou para o fundo das redes. O Rubro-Negro seguia melhor, e aos 30, Yuri ganhou da zaga na velocidade e só não fez o terceiro porque o goleiro André saiu no tempo certo e abafou bem a finalização do meia, que tentou encobri-lo. Aos 40 minutos, o árbitro marcou mais um pênalti a favor do Botafogo. Dessa vez, Glauber cobrou bem, e diminuiu o placar. 

"Graças a Deus tudo deu certo. O grupo todo está de parabéns, porque é merecedor dessa conquista. Treinamos muito forte a cada dia, recentemente batemos muito na trave com alguns vice-campeonatos, mas de hoje não podia passar. Foi muito difícil, mas graças a Deus deu tudo certo", disse o artilheiro Vitor Gabriel. 

Sócio-torcedor tem mais Flamengo em campo: o dinheiro vai para o Futebol e traz mais reforços, revelações e estrutura no CT! Clique e sinta o orgulho de ser sócio-torcedor.

A soma dos placares dos dois jogos levou a decisão para a cobrança de pênaltis. Após muito sofrimento e emoção à flor da pele, com dez cobranças para cada lado, o Flamengo contou com a estrela do goleiro Victor Hugo, que pegou dois pênaltis, e com a precisão de todo o time, que perdeu apenas um pênalti, para vencer por 9x8 e mais uma vez levantar o título da Taça Guanabara.

"Nosso trabalho durante essa semana foi mostrar para todo o grupo que esses atletas são muito capazes. Infelizmente fizemos um primeiro tempo muito ruim no jogo do Engenhão, o que não condiz com a qualidade desse grupo. Os conscientizamos de que hoje, apesar de ser uma final, era apenas mais um jogo, dentro da nossa casa, aonde temos e continuamos com 100% de aproveitamento nesse campeonato. Com tranquilidade, conseguiríamos construir o placar necessário para a gente. Sabíamos das dificuldades, e quero parabenizar a toda a comissão técnica do Botafogo, que vem nos estudando há muito tempo e tem uma equipe muito organizada. Essa é uma geração especial, com qualidade acima da média para a categoria, e somos merecedores desse título", disse o treinador Márcio Torres.

Sem muito tempo na agenda para comemorar, a equipe já embarca para a disputa da Taça BH, principal competição em nível nacional da categoria, na tarde desta segunda-feira. Na primeira fase, o Flamengo jogará nas cidades de Ponte Nova e Rio Doce, e enfrentará Ponte Nova (dia 12.07, às 20h), Paraná (dia 14.07, às 20h) e Grêmio (dia 16.07, às 13h).

"A conquista dessa Taça Guanabara aumenta ainda mais a nossa confiança. Estamos indo para a Taça BH com o intuito de buscarmos o título da competição. Sabemos de todas as dificuldades e da qualidade dos adversários que enfrentaremos, mas também sabemos da nossa qualidade, e vamos em busca do nosso objetivo", finalizou o treinador campeão Marcio Torres.

O Flamengo entrou em campo com Victor Hugo, Vitor Ricardo, Natan, Patrick (Teo), Pablo, Henrique (Lucas Gabriel), Marx (Rhyan), Matheus Alves, Wendel, Yuri e Vitor Gabriel (Luan). Treinador: Marcio Torres. 

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/25670/sub-17-derrota-botafogo-no-tempo-normal-e-nos-penaltis-e-e-campeao-da-taca-guanabara

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.