No Campeonato Carioca, a quinta vítima do poderio ofensivo rubro-negro foi a Portuguesa - 5 a 1 no final de semana. Até mesmo o San Lorenzo-ARG já sofreu, tendo deixado o Maracanã com um sonoro 4 a 0 na bagagem na estreia das duas equipes na Libertadores.

Pois este desempenho deixa o técnico Zé Ricardo bastante satisfeito, afinal de contas, não é sempre que se consegue unir um ataque efetivo (balançou as redes 26 vezes em 2017) com uma defesa que vaza pouco. "Este equilíbrio é resultado de um bom trabalho, e a tendência é construirmos uma equipe ainda mais competitiva", disse o comandante. E então, quem será a próxima vítima?

​​