Torcedores do Flamengo detidos em confusão em Copacabana já foram liberados

Torcedores do Flamengo detidos em confusão em Copacabana já foram liberados

Os cerca de 40 torcedores do Flamengo detidos na madrugada desta quarta-feira, após tumulto em frente a um hotel de Copacabana, já foram liberados. Os rubro-negros foram até o local depois que rumores apontaram para uma possível hospedagem do elenco do Independiente, adversário da final da Sul-Americana, à noite, no Maracanã.

No início da manhã, metade dos detidos já havia sido liberada após prestarem depoimento. Por volta das 10h15m, o GLOBO confirmou que o restante dos torcedores também já tinha deixado a 12ª DP, em Copacabana, Zona Sul do Rio. Apenas um menor de idade ainda aguardava o responsável no local.

O clima bélico tomou conta, primeiro, da Barra da Tijuca, na Zona Oeste, ainda na noite de terça-feira. Em frente ao hotel onde a delegação do Independiente estava hospedada, rubro-negros protagonizaram um quebra-quebra. Quando rumores indicaram que os jogadores poderiam se transferir para a filial de Copacabana do hotel Hilton, outro grupo de torcedores se dirigiu ao local.

Na Avenida Princesa Isabel, além de bradarem provocações aos adversários, fogos de artifícios e rojões eram atirados para o alto e em direção ao hotel. O clima ficou tenso no local durante a madrugada, e a PM usou bombas de gás para dispersar quem estava por lá. Houve gritaria e correria. Por volta das 4h30m, cerca de 40 pessoas foram encaminhadas para a 12ª DP.