| Futebol

Trauco diz que Flamengo ‘sentiu falta de Guerrero’ e fala que torcida ‘é muito exigente’

flameng - Trauco diz que Flamengo ‘sentiu falta de Guerrero’ e fala que torcida ‘é muito exigente’

Com o fim da sua primeira temporada com a camisa do Flamengo, Miguel Trauco voltou ao Peru para passar as férias com a família. O lateral-esquerdo sentiu a forte pressão da torcida rubro-negra, principalmente porque o time perdeu três finais em 2017, sendo as mais importantes a Copa do Brasil e a Copa Sul-Americana. Em entrevista ao jornal “Depor”, do Peru, o jogador afirmou que o time sentiu a ausência de Paolo Guerrero na final contra o Independiente.

O camisa 9 estava suspenso pela Fifa após ser flagrado no exame antidoping, em outubro, depois do duelo entre Peru e Argentina, pela Eliminatória Sul-Americana para Copa de 2018. O peruano foi suspenso por um ano e seus advogados vão recorrer da decisão.

“Estou muito triste. Paolo não merece isso, ele deveria estar jogando. Isso me afetou muito, isso me machucou, porque eu estive com ele lá e não sabia o que dizer. Ele nos levou até aqui. Sua ausência foi sentida na final, infelizmente as coisas não aconteceram", disse o jogador.

Além de perder os jogos decisivos do Flamengo na Sul-Americana e no Campeonato Brasileiro, Guerrero também não disputou a repescagem para Copa de 2018, na Rússia, quando o Peru conseguiu se classificar após 36 anos.

Já Trauco planeja um ano de 2018 melhor, principalmente no Rubro-negro. O lateral reclamou que ficou sentido com a torcida e afirmou que os flamenguistas “são muito exigentes”.

“O ano de 2018 será como uma revanche para mim. Eu fiquei desgostoso com os fãs e a última impressão que deixei não foi a melhor no Flamengo. Agora é melhorar para estar bem. Ali, eles são muito exigentes”, disse ao jornal.

Fonte: https://extra.globo.com/esporte/flamengo/trauco-diz-que-flamengo-sentiu-falta-de-guerrero-fala-que-torcida-muito-exigente-22205472.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.