Treino aberto do Flamengo vira esboço para jogo contra o Emelec

Treino aberto do Flamengo vira esboço para jogo contra o Emelec

No primeiro jogo do Fla de portões abertos na Copa Libertadores, a expectativa é de casa cheia diante do Emelec (EQU), no dia 16 de maio, no Maracanã. A ideia do treino aberto nesta terça pela tarde, antes da partida desta quart-feira com o Santa Fe (COL), passa muito pelo projeto de lotar o Maior do Mundo diante dos equatorianos, em jogo que pode até sacramentar a vaga para a segunda fase da competição continental.

Até agora, apenas sócios-torcedores puderam comprar os bilhetes do confronto que acontece daqui há 30 dias. Antes, o Flamengo ainda visita os colombianos em Bogotá. Na última disputa da Libertadores, o Rubro-Negro teve uma média de público acima dos 50 mil e ideia é manter esse bom público, mas desta vez com a classificação para as fases finais.

Jogando no Maracanã em 2017, o Flamengo fez ótima campanha e venceu todos os quatro jogos, diante de San Lorenzo (ARG), Atlético-PR e Universidad Católica (CHI). Contudo, foram três derrotas longe do Rio de Janeiro e uma melancólica eliminação. A vitória deste ano no Equador aumentou o ânimo da torcida e por isso a ideia de casa cheia no decisivo confronto diante do Emelec.

Os torcedores que não são associados ao Rubro-Negro só devem ter acesso aos bilhetes para o confronto do dia 16 cinco dias antes da partida. Até lá, a ideia é que a maioria dos sócios comprem os ingressos já disponíveis.