| Futebol

Uma santa eliminação

flameng - Uma santa eliminação

Não existe motivo para insatisfação, após a eliminação na Copa Sul-americana, o Flamengo poderá, a partir de agora, focar todas as suas atenções na conquista do hepta,

E nem me venham com esse mimimi de que ‘Ahh, mas logo para o medíocre Palestino…’ Putz! Você, que pensa assim, só pode ser desses que ficam chateados quando usam o bizarro argumento da falta de estádio, não é?! Ninguém tem o rabo limpo para falar do Maior Clube do Brasil.

Tudo que a arcoirizada quer é que o ambiente do Flamengo vire crisezinha, eles estão se mordendo de raiva, asfixiados pelo cheirinho de hepta, vão dar esse gostinho para eles?! Não caia nessa, a verdade é que o Flamengo não estava fazendo tanta questão da Copa Sul-americana, não faça você também!

Claro que uma derrota, seguida de eliminação, seja ela como for, não é motivo para felicidade, mas a vida continua, e o Flamengo segue firme em busca do seu principal objetivo na temporada, agora com força total, sem precisar mais fazer viagens que aumentariam o degaste do elenco.

A partida da última quarta seria a última possível que poderia ser feita com o time B, como aquele que entrou em campo. A partir das quartas-de-final o emparelhamento afunila, e a dificuldade seria muito maior, o San Lorenzo-ARG é uma baita pedreira.

Ficaram evidentes as limitações dessa equipe B do Flamengo, por mais que ela tenha contado com alguns jogadores do time titular. Contra um adversário mais forte o vexame poderia ser ainda pior, ser eliminado sofrendo uma goleada não seria nada bom para a auto estima do grupo.

Ou seja, o Flamengo teria que se dividir, e jogar as duas competições com o time titular, o que poderia se tornar um tiro no pé, jogando todo o planejamento por água abaixo, pois a tabela do Flamengo no Campeonato Nacional não é nada fácil.

Teríamos uma duríssima sequência com Inter(fora), San Lorenzo, Corinthians, San Lorenzo, Atlético-MG(fora), respectivamente, em um intervalo de apenas 13 dias, sempre com jogos no meio, e no final de semana. Fugimos dessa maratona!

Por mais que o Flamengo tenha montado um elenco numeroso e qualificado, o desgaste é inevitável. Conforme a temporada vai chegando ao fim, naturalmente os jogadores vão ficando mais suscetíveis não só ao cansaço, como às lesões.

Torço para que o Palmeiras passe de fase na Copa do Brasil, e enfrente o Corinthians na semifinal, o que obrigaria os caras a jogarem com o time titular, afinal, trata-se de um clássico, a intensidade de duas dessas partidas seria imensa, em caso de fracasso o ambiente ainda ficaria pesado.

O Atlético-MG, que  corre por fora na briga pelo título, tem tudo para passar de fase, e também sentirá o desgaste. Desta forma podemos ser os únicos do G3 sem compromissos por fora do Campeonato Brasileiro, com mais pernas para somar o máximo de pontos possíveis.

Tomara que Zé Ricardo saiba trabalhar muito bem a cabeça dos jogadores, e que a motivação para conquistar o hepta campeonato nacional do Clube de Regatas do Flamengo aumente ainda mais depois desse revés, resultado negativo que há tempos não sofríamos.

Sábado já temos outra pedreira no caminho, pegar uma desesperada tricolor paulista lá no Panetone não vai ser nada fácil. Não tem jeito, a partir de agora todas as rodadas são finais, e temos que ganhar todas, seja lá onde for, é vencer, vencer, vencer…

Aposto que essa eliminação irá fortalecer o time ainda mais, o Flamengo agora virá com foco total, mordido, e 100% fisicamente, segura que eu quero ver…

Que os deuses do futebol estejam com o Flamengo!

Vinny Dunga
vinny.dunga@colunadoflamengo.com

 

Fonte: http://colunadoflamengo.com/2016/09/uma-santa-eliminacao/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.