| Futebol

Vice-presidentes de Esportes Olímpicos e Remo comemoram início do projeto CUIDAR

Dirigentes estiveram na abertura do primeiro curso oferecido para profissionais do esporte do clube

flameng - Vice-presidentes de Esportes Olímpicos e Remo comemoram início do projeto CUIDAR

Póvoa: "Flamengo tem obrigação de liderar no país"

Alexandre Póvoa e Bruno Cotecchia, vice-presidentes de Esportes Olímpicos e Remo, respectivamente, estiveram na abertura da I Escola de Profissionais do Esporte do clube, que iniciou oficialmente o programa de cursos do projeto CUIDAR - Centro Unificado de Identificação e Desenvolvimento de Atleta de Rendimento, na manhã desta segunda-feira (9). A palestra foi realizada pelo Professor Doutor Roger de Moraes, que falou dos fatores que levam um atleta a chegar ao alto rendimento - genética, infraestrutura e aplicação da ciência nos treinamentos.

"Esse dia para mim é muito importante e simbólico. Quando assumimos em 2013, sabíamos que tínhamos um desafio muito grande pela frente. Fui atleta do clube e vivo o Flamengo há mais de 30 anos. E nossa ideia era aproveitar o ciclo olímpico para reconstruir o clube. De lá para cá, muito aconteceu e hoje começamos com o projeto CUIDAR a chegar onde queremos: fazer esporte em alto nível. O Flamengo tem obrigação de liderar no país", afirmou Póvoa.

O vice-presidente de Esporte Olímpicos ainda lembrou que, muito além dos representantes garantidos nos Jogos Olímpicos deste ano, o grande objetivo do clube é formar novos talentos de olho nas próximas edições das Olimpíadas.

"Dos oito esportes que existem no clube, sete terão representantes na Rio-2016, entre atletas e comissão técnica, mas nosso grande objetivo é tornar o Flamengo formador de atletas de alto rendimento para os jogos de 2020 em diante. O CUIDAR vem para desenvolvermos desde a base a prevenção, preparação psicológica, física, tudo que envolve a estruturação de um atleta de alto nível", explicou.

Cotecchia também acredita neste caminho para o esporte fundador rubro-negro.

"Alinhados com os esportes olímpicos, nosso foco é na formação. O remo do Flamengo vivia e ganhava campeonatos trazendo atletas de outros clubes ou estrangeiros, que nem ficavam aqui. Não existia uma forma sustentável na formação de atletas. Estamos buscando essa sustentabilidade", finalizou.

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/23356/vice-presidentes-de-esportes-olimpicos-e-remo-comemoram-inicio-do-projeto-cuidar

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.