De acordo com relatos do rubro-negro Flavio Daher ao site ​GloboEsporte, ele esteve no local com o filho para conhecer o elenco flamenguista, mas o Cruzeiro chegou primeiro. Como não tem simpatia pelo técnico Mano Menezes, provocou o adversário em relação à zona de rebaixamento e acabou sendo agredido pelo preparador de goleiros da Raposa, Roberto Barbosa (que trabalhou na Gávea entre os anos de 2006 e 2009)

O vídeo abaixo mostra o exato momento da agressão, confira:

O Cruzeiro, por sua vez, emitiu nota oficial repudiando a situação e prometendo apurar melhor o caso para tomar as devidas providências:

"O Cruzeiro Esporte Clube lamenta os episódios ocorridos no aeroporto de Vitória e as agressões morais sofridas pela nossa delegação desde o momento em que chegamos para o embarque. O Clube está tomando todas as providências para que fatos como esses não se repitam em outras viagens e que nossos atletas e comissão técnica tenham total segurança."