| Futebol

Vilaron vê diferença do Galo para Fla e Palmeiras: "Consistência defensiva"

Apesar da força ofensiva e do elenco mineiro, comentarista lembra que número de gols tomados pelo Atlético é de time que está na parte de baixo da tabela

flameng - Vilaron vê diferença do Galo para Fla e Palmeiras: "Consistência defensiva"

Após a vitória deste domingo por 3 a 1 contra o Internacional, Robinho destacou que, apesar de a maioria só falar de Flamengo e Palmeiras, o Atlético Mineiro está quietinho, trabalhando e na briga pelo título do Campeonato Brasileiro. A 11 rodadas do fim da competição, o Galo está em terceiro lugar, quatro pontos atrás dos cariocas e a cinco dos paulistas, que estão na liderança.

No Seleção SporTV desta segunda-feira, os comentaristas não descartaram o Atlético da briga pelo título e ressaltaram que vários jogadores estão voltando de lesão, aumentando o leque de opções do técnico Marcelo Oliveira. Entretanto, Wágner Vilaron acredita que a diferença entre o time mineiro e os dois primeiros é maior que aquela mostrada na tabela. Para o comentarista, o parte defensiva do Galo tem atrapalhado a equipe na briga pelo topo. (Assista ao vídeo)

- O Atlético tem aproveitamento defensivo de time que está lá embaixo. Se não me engano, são 36 gols tomados. O problema do Atlético nunca foi a parte ofensiva, pelo contrário, ali tem um monte de opções para o Marcelo. Mas, lá atrás, o Atlético ainda busca uma consistência que Flamengo e Palmeiras já possuem. Então ainda está um passinho atrás. Então está atrás na classificação e buscando essa consistência. E esse é o desafio do Atlético. Mas ainda assim, quem jogou fez uma campanha espetacular. Tem o Robinho dividindo a artilharia com Gabriel Jesus, Fred com um gol atrás. E tem o Lucas Pratto, que embora não seja titular, está com a confiança lá em cima e que aproveitou a oportunidade com o Bauza na seleção argentina - analisou Vilaron.

Além disso, Marcelo Barreto lembrou que, apesar de ter a vantagem de jogar contra Flamengo e Palmeiras em casa, o Atlético não depende só de si para ser campeão brasileiro. 

- O Atlético tem o trunfo de jogar contra os dois em casa. Mas, o Atlético, para ser campeão, precisa de tropeços de Palmeiras e Flamengo. Ele não depende mais de si mesmo para ser campeão porque a diferença é de quatro e cinco pontos - afirmou. 

Nas duas próximas rodadas, o Atlético tem dois adversários complicados. Os mineiros vão a São Paulo enfrentar Ponte Preta e Corinthians, enquanto o Palmeiras enfrenta Santa Cruz e América fora, e Flamengo pega o São Paulo no Morumbi e o Santa Cruz em casa. Por isso, Sérgio Xavier aposta numa leve queda do Galo nas próximas duas rodadas. 

- Só acho que a tendência do Atlético Mineiro é que caia um pouquinho mais agora com essas duas rodadas. Olho as próximas duas rodadas dos três e não vejo o Atlético fazendo seis pontos. Mesmo assim, eu não descarto (o Atlético da briga pelo título) porque depois fica difícil para os outros, depois busca - comentou. 

Fonte: http://sportv.globo.com/site/programas/selecao-sportv/noticia/2016/09/vilaron-ve-diferenca-do-galo-para-fla-e-palmeiras-consistencia-defensiva.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.