Vinicius Jr terá palavra final sobre ida ao Real ou permanência no Fla

Vinicius Jr terá palavra final sobre ida ao Real ou permanência no Fla

A decisão de ir para a Espanha defender o Real Madrid ou ficar no Flamengo até dezembro está nas mãos de Vinicius Júnior. Em entrevista ao “Sportv”, o Eduardo Bandeira de Mello revelou que o futuro do garoto ainda está indefinido, mas, a partir do fim da temporada europeia em julho, o acordo entre as partes permite que o atacante passe a defender o clube merengue.

De acordo com o presidente, tanto o Flamengo quanto o Real Madrid serão ouvidos, mas, em caso de impasse entre os dois clubes, a palavra final e determinante será de Vinicius Jr, que completará 18 anos em 12 de julho.

Torcendo pela permanência da joia, Bandeira também espera que a decisão tomada seja de concordância das três partes envolvidas na transferência milionária - o Flamengo receberá, ao fim da transação, R$ 165 milhões.

- O contrato diz que no final da temporada europeia ele pode ir para o Real Madrid ou pode ficar. Uma decisão para ser tomada em conjunto. Em caso de impasse, a decisão é do jogador. Acredito que podemos sentar e as três partes chegar a uma conclusão do que é melhor para todas - avaliou o mandatário.

- Acho que aqui vai se desenvolver mais. Particularmente sou a favor que fique pelo maior tempo possível. Não vejo como um problema para o Real Madrid.

'Aqui ele (Vinicius Jr) se desenvolverá mais. Particularmente, sou a favor que ele fique pelo maior tempo possível. Não vejo isso como um problema para o Real , afirmou Bandeira.

PAQUETÁ E GUERRERO

Além de Vinicius Jr, outro garoto da base desperta a atenção da Europa: Lucas Paquetá. De acordo com o presidente, no entanto, nenhuma proposta chegou ao Flamengo pelo camisa 11, que, no que depender de Bandeira, ficará na Gávea por anos.

- Não tenho conhecimento (de propostas pelo meio-campista). Ele está bem no Flamengo. Está satisfeito aqui e o Flamengo satisfeito com ele. Deixa ele com a gente - resumiu Bandeira sobre Paquetá, que tem contrato com o Flamengo até dezembro de 2020.

Paolo Guerrero, por outro lado, tem situação mais complexa. Além de aguardar a decisão da Corte Arbitral do Esporte (CAS) sobre o teste de doping positivo, o atacante tem vínculo com o Flamengo até agosto e, se absolvido, disputará a Copa do Mundo pelo Peru.

O presidente Bandeira de Mello também reforçou a vontade de prorrogar o contrato e contar com o camisa 9 no elenco principal  "por muito mais tempo".

- Torcer para que saia logo o relatório e que não haja problemas. Nosso interesse é ter ele por bastante tempo no Flamengo. Ainda tem muito para fazer aqui. É um profissional dedicado, que se cuida muito. Nossa intenção é renovar e ter ele por algum tempo ainda - afirmou o presidente do Flamengo.