Autor dos dois gols da virada no Equador, ​a joia rubro-negra será titular no jogo válido pelo estadual ao entrar no lugar do suspenso Lucas Paquetá. O momento é perfeito para criar uma "dor de cabeça" ao técnico Paulo César Carpegiani, e o garoto sabe disso:

"Me dá mais confiança. Não só pra mim, mas pra toda equipe. O Flamengo não tinha ganho tem uns quatro anos na Libertadores fora de casa e conseguimos esse feito. Estou procurando evoluir a cada dia, evoluir ao máximo aqui e curtir. É sempre bom (receber carinho na chegada). A torcida sempre comparece aqui nos ajudando. Que seja mais uma excelente partida e que eles possam nos ajudar a vencer", analisou o jovem.

A partida deste domingo, pela última rodada da Taça Rio, será realizada no estádio Kleber Andrade, no Espírito Santo, às 16h Ambos chegam com chance de classificação. A tendência é de que o Fla seja formado por Diego Alves, Rodinei, Juan, Rhodolfo, Renê; Jonas, Diego, Everton Ribeiro, Everton, Vinicius Junior e Henrique Dourado.

​​