| Futebol

Vizeu volta ao Rio mancando e com proteção na perna; Muralha fica em silêncio

Atacante é dúvida para o jogo da próxima quinta, contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil. Goleiro que falhou diante do Tricolor Paranaense não falou com a imprensa

flameng - Vizeu volta ao Rio mancando e com proteção na perna; Muralha fica em silêncio

Após a eliminação na Primeira Liga, diante do Paraná, a delegação do Flamengo desembarcou no início da noite desta quinta-feira, no Aeroporto Santos Dumont, no Centro do Rio. O atacante Felipe Vizeu deixou o local mancando, com a perna direita imobilizada. Ele saiu no segundo tempo da partida contra o Tricolor com muitas dores no joelho direito, depois de cair no gramado. O atleta será reavaliado na manhã desta sexta-feira, no Ninho do Urubu.

Vizeu é o substituto natural de Guerrero, que está suspenso no primeiro jogo da final da Copa do Brasil. A partida será realizada na próxima quinta-feira, no Maracanã. Por isso, há grande expectativa em saber se o Flamengo poderá contar com o centroavante formado nas suas categorias de base. Caso Vizeu não possa enfrentar a Raposa, Lucas Paquetá pode ser improvisado na frente.

O meia Everton Ribeiro foi o único jogador do Flamengo a falar com os jornalistas no desembarque. O goleiro Alex Mulhara, que foi muito mal contra o Paraná, recebeu apoio do camisa 7.

- Ele é um profissional que trabalha muito. Infelizmente, tomou um gol numa bola indefensável. Mas quando perde, as críticas vêm. Estamos juntos com ele. Muralha tem a nossa confiança, vai melhorar e nos ajudar muito ainda - disse o canhotinho, que admitiu abatimento pela eliminação na Primeira Liga.

- Está todo mundo triste, mas temos que passar por cima disso e nos prepararmos para a final - lembrou.

O voo da delegação rubro-negra atrasou por cerca de duas horas. O avião que trouxe os jogadores de volta ao Rio teve de abastecer no Galeão, diferentemente do que estava previsto, antes de ir para Vitória. Por isso, os jogadores e a comissão técnica só chegaram ao Rio por volta das 18h40, duas horas e dez minutos depois do inicialmente previsto.

Não houve protestos no desembarque do Flamengo. Somente alguns torcedores pediram para posar em fotos ao lado dos jogadores.

Fonte: http://www.lance.com.br/flamengo/desembarca-com-vizeu-mancando-com-perna-imobilizada.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.