| Futebol

Zé Ricardo analisa empate e comemora retorno de Ederson

Técnico ainda falou da expectativa para a estreia no Brasileirão, no próximo sábado, quando o time retorna ao Maracanã

flameng - Zé Ricardo analisa empate e comemora retorno de Ederson

Foto: Gilvan de Souza/ Flamengo

Após o empate sem gols com o Atlético-GO, o técnico do Flamengo Zé Ricardo falou aos jornalistas no Maracanã. O treinador analisou a partida que contou com muitos jovens e o retorno de Ederson após mais de nove meses de recuperação. Zé também comentou mais uma estreia do Rubro-Negro esta semana, sábado, pelo Brasileirão, contra o Atlético-MG, quando a equipe voltará ao Maior do Mundo.

Confira a íntegra: 

Sobre o jogo
Logicamente queríamos vencer a partida e acho que tivemos volume de jogo para tal. Enfrentamos uma equipe que queria fazer um jogo reativo, propõe pouco jogo, e queria jogar no nosso erro. Colocamos uma equipe com três homens mais leves para criar pela lateral do campo. Atingimos o objetivo até determinado momento, mas atrapalhou um pouquinho a falta de ritmo de alguns atletas. Mas parabenizei nosso grupo, sequência muito difícil, de partidas decisivas e um grau de desgaste físico e emocional muito grande. De todos os empates possíveis aqui, o 0 a 0 é o que mais nos agrada. Agora vamos esperar o jogo da volta para buscar a classificação para as quartas.

Ederson
A gente vem conversando com ele regularmente, não só eu, todo mundo. è um jogador muito bom, caráter acima do comum, profissional exemplar. Não é fácil voltar depois de nove meses. Parabenizei o esforço que ele fez e desejo que tenha uma sequência positiva, deve ter sido muito doloroso para ele esperar o tempo todo. Vimos coisas positivas e talvez a maior tenha sido o retorno do Ederson fazendo o que gosta. A ideia do retorno dele é ganhar ritmo de jogo devagar, ir entrando em forma. Cada jogo tem sua história e vamos avaliar sem pressa, sem nenhum tipo de prazo. Mas foi importantíssimo ele voltar hoje, recuperar um atleta que temos muita fé que pode ajudar a gente. E fez por merecer pelo sofrimento nesse tempo todo e pela vontade de voltar.

Sequência dura de jogos
Difícil. O calendário é desgastante, mas já sabia que seria assim. O jogador precisa recuperar e treinar, mas às vezes não conseguimos treinar tudo que gostaríamos. Felizmente tivemos uma ótima pré-temporada. Trouxemos os melhores preparados e quem não veio realmente não tinha condições. O objetivo do Flamengo é chegar bem na Copa do Brasil, buscar a classificação. O Atlético também veio com mudanças, no jogo da volta deve estar mais entrosado, não será um jogo fácil. Conheço o Marcelo (técnico do Atlético) desde o futsal, no Rio de Janeiro, e sei do trabalho dele. Mas temos condições de voltar de lá com a vaga.

Time para sábado
Não tem ninguém que preocupe muito e esperamos contar com todos na estreia de sábado. Credencio o Atlético-MG como grande candidato ao título brasileiro. Temos que dar o mesmo valor para todas as partidas em pontos corridos e entraremos com força máxima. Teremos um dia a mais de preparação para a partida contra o San Lorenzo na quarta-feira.

Ansiedade
É natural (afobamento). Jogar no Maracanã é uma oportunidade de se mostrar, para nós, para a torcida. E a ansiedade acaba atrapalhando. Mas acho que o Matheus foi bem no jogo, mas se desgastou bastante e aí surgiu a oportunidade de entrar com o Ederson. Se a torcida tiver paciência verá os jovens com rodagem e ajudando muito nosso plantel na longa caminhada até o final do ano.

Campeonatos simultâneos
São quatro competições, quatro bolas diferentes, quatro regulamentos... O que fazemos é dar importância para a próxima partida. São todas competições muito importantes e todos os atletas são muito profissionais. Ontem na reapresentação deles, praticamente todos me pediram para jogar hoje, mas através da fisiologia, departamento médico, vimos que seria perigoso colocar jogadores muito desgastados hoje.

Apoio da torcida
Agradeço pessoalmente à torcida que até o final cantou e aplaudiu os atletas.

Juan
Fácil falar dele. Jogador inteligentíssimo. Presença importante dele ali, mesmo Léo Duarte estando capaz de jogar. Ele trouxe experiência para os mais jovens, Savio, Paquetá, até Rodinei, que tem rodagem, mas é mais jovem. 

Expectativa para o Brasileiro
Melhor possível. Como já falei, acho que esse Brasileiro deve ser um dos mais equilibrados, muitas equipes com condições de disputar o título. Temos que manter uma regularidade muito grande. Temos a Libertadores até o final do ano e isso pode ser bom ou ruim. Temos que esperar para ver o que vai acontecer e começar bem. Atlético-MG também foi campeão estadual, tem atletas e um técnico vencedores, mas com o apoio da nossa galera queremos lotar o Maracanã e conquistar os três pontos.

Fonte: http://flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/25333/ze-ricardo-analisa-empate-e-comemora-retorno-de-ederson

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.