| Futebol

Zé Ricardo e Rodrigo Caetano são absolvidos após episódios com Heber

Flamengo se dá bem em julgamentos realizados nesta quarta-feira no STJD

flameng - Zé Ricardo e Rodrigo Caetano são absolvidos após episódios com Heber

O Flamengo teve uma jornada de sucesso nesta quarta-feira, na 3ª Comissão Disciplinar do STJD. Tanto o técnico Zé Ricardo quanto o diretor executivo de futebol Rodrigo Caetano foram absolvidos nos processos em primeira instância e estão livres para trabalhar. Ambos tiveram "rusgas" com o árbitro Heber Roberto Lopes na goleada sofrida contra o Corinthians.

A absolvição do treinador, denunciado por ter sido expulso ainda no primeiro tempo, foi muito rápida. O relator do caso nem esperou a defesa do Flamengo se pronunciar e logo votou pela absolvição e foi seguido pelos outros dois auditores da comissão. 

No caso de Rodrigo Caetano, denunciado porque Heber relatou xingamentos na súmula, foi decisiva a apresentação de um relatório feito pela Federação Paulista que apontou uma postura ríspida do árbitro antes de qualquer palavra proferida por Rodrigo Caetano. "Retira ele de perto, tira daqui, se ele falar comigo eu vou colocar na súmula", disse Heber, segundo o documento.

- Nunca venho com voto pronto, mas eu cheguei com a pena traçada aqui, 15 dias. Mas à medida em que a defesa prosseguiu, fui mudando. Ficou bastante clara a inexistência da infração. Temos um documento da Federação Paulista - disse o auditor relator Ricardo Graiche.

Ambas as decisões ainda são passíveis de recursos da procuradoria. Mas, por ora, Ricardo e Rodrigo estão liberados.

Fonte: http://www.lance.com.br/flamengo/ricardo-rodrigo-caetano-sao-absolvidos-apos-episodios-com-heber.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

2 Comentários

Antonio RenatoHá 4 meses

Acho que o Flamengo está deixando barato. O trêfego árbitro não puniu uma falta desqualificante do Fagner em Ederson, que teve que sair, com o carrinho-voador em 2 tempos, terminando com alavanca no joelho do adversário, Foi ríspido com membros da comissão técnica e culminou com a expulsão do Zé Ricardo, determinante para o desmonte do time em campo. Acho que â suspensão por um jogo do nosso treinador deveria ser acompanhada pelo afastamento do juiz que arbitrou na rodada seguinte. Seria lícito exigir o afastamento do jogador do Corinthians, enquanto o Nosso meia permanecesse sem condição de jogo. SRN

CARLOS A. MATHIASHá 4 meses

Nem era para serem julgados, agora é o Juiz !!!

Carregar mais