| Futebol

Zé Ricardo reconhece que Flamengo sofreu com mudanças do Atlético-MG

Técnico diz que gol no fim fez justiça ao bom jogo da equipe rubro-negra

O empate em 2 a 2 no Mineirão foi ruim tanto para o Flamengo quanto para o Atlético-MG, que não conseguiram se aproximar muito do líder Palmeiras faltando cinco rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro. Para o técnico Zé Ricardo, o time rubro-negro fez uma boa partida, mas acabou sofrendo com as alterações feitas no segundo tempo por Marcelo Oliveira, treinador da equipe mineira.

O Flamengo abriu o placar com Diego, mas o Atlético conseguiu a virada logo depois da entrada em campo do argentino Lucas Pratto, autor do segundo gol. No fim, Guerrero garantiu ao menos um ponto para o Fla, diminuindo o prejuízo rubro-negro em Belo Horizonte.

- Foi uma partida cercada de variáveis, emoções, número de gols. É muito difícil jogar no Mineirão. O Atlético é muito forte, com jogadores de muita movimentação. Voltamos a jogar bem, mas no segundo tempo sofremos com as mudanças deles... Poderíamos ter definido o segundo gol, sofremos dois. Acho que o gol no fim da partida veio fazer jus ao que fizeram as duas equipes.

O técnico explicou que as mudanças feitas no Flamengo no segundo tempo foram para tentar buscar o empate e até a virada.

- A troca do Sheik tínhamos que fazer para tentar o segundo gol. Ele tem característica parecida com a do Gabriel, uma verticalidade que nos interessa bastante para que pudéssemos buscar o ataque. Em relação ao Fernando, foi o desgaste realmente. Entendia que jogando ali com dois homens apenas por dentro o Atlético pudesse oferecer alguma bola para o Alan chegar à área adversária ou dar assistência. Não foi a primeira vez que fizemos essa mexida. Deu certo contra o Cruzeiro, lembrando agora, por exemplo, o Alan deu duas assistências. Mas infelizmente não conseguimos manter a posse (de bola).

O treinador ainda elogiou a arbitragem do catarinense Braulio da Silva Machado. O juiz marcou um pênalti de Réver em Fred no segundo tempo que realmente aconteceu, mas não viu uma falta em Diego no último lance do jogo, que gerou reclamações dos rubro-negros.

- Discordo que tenha influenciado na partida. Os árbitros foram bem firmes, mesmo entrando em campo com muita pressão. Já vimos lances parecidos que foram dados e não dados, então absolvo de qualquer decisão. Respeito, acho que o árbitro teve boa atuação. No último minuto, ele deixou o jogo correr, me parece que foi falta no Diego, mas já tinha o direito de terminar a partida - lembrou.

Zé Ricardo manteve o otimismo na briga pelo título.

- Conseguimos um empate que nos manteve com a mesma distância para o Atlético e que manteve também a gente com condições de lutar pelo título - encerrou.

Fonte: http://oglobo.globo.com/esportes/ze-ricardo-reconhece-que-flamengo-sofreu-com-mudancas-do-atletico-mg-20384450

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.