Flamengo  RJ
menu
search

Narrador critica declaração de dirigente do Atlético-MG e vê Flamengo mais prejudicado pela arbitragem

19 de outubro de 2021 às 11:18h
Narrador critica declaração de dirigente do Atlético-MG e vê Flamengo mais prejudicado pela arbitragem

O Atlético-MG tem pressionado bastante tanto as arbitragens de seus jogos quanto a Confederação Brasileira de Futebol. No último domingo (17), Rodrigo Caetano, diretor executivo do Alvinegro, criticou de forma veemente Raphael Claus, juiz que comandou a vitória por 2 a 1 do Atlético-GO sobre a equipe mineira. O Narrador Luis Roberto, em participação no podcast A Mesa, do GE, não gostou da postura do dirigente.

 

Outro ponto, eu não quero falar de arbitragem, temos que discutir depois sobre a péssima arbitragem brasileira. Mas o que me deixa estarrecido é o Rodrigo Caetano ainda achar que estamos no tempo que temos que atirar primeiro, antes de tirar de mim. Ele colocou em suspeita a integridade da arbitragem que trabalhou no jogo do Atlético-MG só por um lance, sendo que a câmera é inconclusiva no tal do pênalti -, disse o narrador.

Em compensação, horas depois, o Flamengo tem mais motivos para reclamar do que o Atlético-MG, porque claramente o gol do Michael é um erro de leitura de regra da arbitragem. É um erro técnico. É técnico claro. O lance do pênalti até dá para discutir também. O que me parece é que precisamos ter responsabilidade quanto tratar de honestidade. Eu entendo o desespero do Atlético-MG por um título que não ganha há anos” -, concluiu.

Luis Roberto cita dois lances cruciais em Flamengo 0 x 0 Cuiabá, do último domingo (17). O árbitro Flavio Rodrigues de Souza anulou o gol de Michael, por entender que Matheuzinho estaria impedido antes do tento. Entretanto, especialistas apontam erro do juiz nesta jogada. Vitinho, já nos acréscimos do segundo tempo, recebe uma cotovelada e, para muitos, houve pênalti no atacante do Mengão.

O Flamengo, contudo, procura esquecer estes erros do árbitro e foca na Copa do Brasil. O Rubro-Negro carioca enfrenta o Athletico-PR, na Arena da Baixada. Este duelo terá início às 21h30 (horário de Brasília) desta quarta-feira (20), válido pela primeira partida da semifinal da Copa do Brasil. O segundo e decisivo confronto acontece no dia 27 deste mês, no Maracanã, também às 21h30 (horário de Brasília).

Publicado em colunadofla.com