Aumento de preços no Setor Norte leva organizada do Flamengo para Setor Sul

Aumento de preços no Setor Norte leva organizada do Flamengo para Setor Sul

Reconhecidamente , as arquibancadas do Maracanã à esquerda das cabines de rádio e televisão sempre foram o local de concentração das torcidas organizadas do Flamengo. Mesmo depois das diversas reformas – a última delas por exigência da FIFA para a Copa de 2014, com a criação de setores – a tradição foi mantida e o grito que ecoa por todo estádio nasce ali.

Porém, no domingo (26), na partida válida pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro, contra o Athlético-PR, a “Nação 12”, migrará para o Setor Sul em razão do aumento dos valores dos ingressos no Setor Norte. Em nota nas redes sociais, a torcida organizada alega que “a alteração na precificação dos ingressos chegou ao absurdo de cobrar mais caro de quem se dispõe a apoiar o time, abusam da boa fé do torcedor, ignoram o passado como se uma curva de oferta e demanda se ajustasse melhor à nossa torcida do que a paixão que sentimos pelo Clube de Regatas do Flamengo.”

No comunicado, a Nação 12 afirma que “é por discordância dessa política e pelo desejo de uma arquibancada popular e atuante que convidamos a todo e qualquer rubro-negro que queira cantar em apoio ao Flamengo a comparecer nessa partida no Setor Sul.”

A título comparação, os ingressos para o Setor Norte para o confronto diante do Athlético-PR custam R$ 28,00 para sócios-torcedores dos planos Raça e superiores; já no Setor Sul, o valor cai para R$ 16,00, considerando os mesmos planos.