• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Autoridades se reúnem para discutir volta de público aos estádios do Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro segue se adaptando ao ‘novo normal’, e a volta de público aos estádios parece estar cada vez mais perto de ser liberada. O assunto começou a ser discutido no último dia 08 de setembro entre autoridades do Rio de Janeiro. A temática, todavia, volta à pauta na tarde desta sexta-feira (18), quando representantes da Prefeitura do Rio, do Governo do Estado, do Governo Federal (Secretaria Nacional de Futebol), da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), além de outros órgãos envolvidos na operação, se reúnem novamente.

A informação, divulgada inicialmente pelo Uol Esporte, ainda dá conta de que se o ‘sinal verde’ for dado para o retorno dos torcedores aos estádios cariocas, o jogo entre Flamengo x Athletico Paranaense, no dia 04 de outubro, no Maracanã, pode ser o primeiro a ter ‘plateia’ novamente. A ideia é que o assunto seja definido nesta sexta para que todas as medidas de segurança sejam colocadas em prática até lá.

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, chegou a declarar em determinado momento que o processo de liberação de público aos estádios, contribuiria, também, com a diminuição da utilização de praias. Isso porque, de acordo com o ele, “no estádio, conseguimos controlar o distanciamento e o uso da máscara, o que não é possível nas praias”. Fato é que um protocolo de segurança para essa nova etapa vem sido discutido entre as autoridades envolvidas.

A expectativa é que, com a definição e a autorização, os estádios possam receber público a partir de outubro. No entanto, seria com aproximadamente 10% da capacidade. Isso porque, as entidades, como medida de segurança, pretendem praticar um certo ‘distanciamento’ entre os torcedores que comparecerem aos jogos. Por isso, a ideia é que, apesar da liberação, não haja lotação.

Publicado em colunadofla.com.