• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Bruno Henrique recebe terceiro cartão amarelo e desfalca o Flamengo contra o Athletico

O Flamengo venceu o Palmeiras por 2 a 0, em Brasília, e se consolidou de vez na briga pelo título nacional. Com 55 pontos, o Mais Querido assumiu a terceira posição e, no momento, está há quatro pontos do líder, que agora é o Internacional. Apesar do grande resultado, o Rubro-Negro terá alguns desfalques para o próximo compromisso, que também será pelo Brasileirão. Entre eles, Bruno Henrique recebeu o terceiro cartão amarelo e não jogará contra o Athletico-PR.

Dessa forma, este será um dos primeiros compromissos que o camisa 27 perde com Rogério Ceni. O treinador sempre preferiu sua velocidade no ataque rubro-negro que, certamente, perderá muito com a ausência do atleta. Além disso, o técnico do Fla terá de reconfigurar o setor ofensivo, visto que o elenco do Mengo, apesar de farto, não possui jogador com as mesmas características e nível do melhor jogador da última Libertadores. Em suma, o Rei dos Clássicos fará muita falta, diante de uma das suas maiores vítimas.

Porém, o torcedor rubro-negro pode ter o gostinho de algo que ainda não viram com Ceni. Com o companheiro de ataque fora, Gabigol pode jogar ao lado de Pedro pela primeira vez com o treinador, algo muito pedido por analistas e, como mencionado, pela Nação. Contudo, para tal formação, o Mais Querido terá de abordar um novo sistema de jogo, visto que as características dos atletas não são as mesmas. Apesar disso, os jogadores são do mais alto nível e tem totais condições de darem conta do recado.

ASSISTA AOS GOLS DA VITÓRIA DO MENGÃO

Com muitas dúvidas, Rogério Ceni deve definir a equipe que enfrentará o Athletico-PR nos próximos dias. O duelo de rubro-negros acontece no domingo (24), às 16h (horário de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba. A partida contará com exibição da TV Globo, mas o Coluna do Fla traz a transmissão mais rubro-negra da internet, no YouTube. No primeiro turno, o Mais Querido venceu o rival por 3 a 1, no Maracanã.

Publicado em colunadofla.com.