• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

CBF propõe mudança em uniforme, e Flamengo se manifesta contrário à ideia

O Campeonato Brasileiro ainda não começou, mas as reuniões a respeito da competição nacional já estão acontecendo. Isso porque, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) se reuniu na última terça-feira (11) com os clubes da Série A para discutir uma mudança: a padronização de números e nomes nas camisas das equipes.

A reunião aconteceu virtualmente por conta da pandemia e, além de Manoel Flores, diretor de competições da CBF, e Gilberto Ratto, diretor de marketing da CBF, contou com os representantes de marketing dos clubes da Série A. O projeto apresentado pela entidade é de que todas as equipes usem o mesmo ‘layout’ e ‘design’ nas camisas a partir da temporada de 2021.
Como o Brasileirão se inicia no fim do mês de maio, inicialmente, não seria obrigatória a mudança para esta temporada. No entanto, Manoel Flores, junto ao Conselho Técnico da CBF, prevê uma regra futura para a competição nacional, algo semelhante ao que acontece na Champions League e Premier League, por exemplo.
Vale destacar que a CBF se propôs a disponibilizar os modelos dos nomes e números, de forma gratuita, com uma empresa específica, caso seja do interesse do clube. Apesar da ideia ter agradado a uma parte dos clubes, o Flamengo, de antemão, descartou a possibilidade e informou que seguirá com o que está sendo utilizado nesta temporada.
Além disso, o Rubro-Negro entende que não é do ofício da CBF controlar ‘design’ e ‘layout’ e, ainda mais, a produção de nomes e números dos clubes. Sem contar que o Flamengo precisa ter as camisas aprovadas pela Adidas, ou seja, necessita do aval da fornecedora caso aceite este novo projeto da confederação. A informação foi inicialmente divulgada pelo jornal O Dia.
Em meio a isso, o Flamengo tem estreia marcada no Brasileirão. O Rubro-Negro encara o Palmeiras, no dia 30 de maio, às 16h (horário de Brasília), no Maracanã. O Mais Querido entra em campo em busca do novo título nacional e, além disso, visando o tricampeonato na competição.

Publicado em colunadofla.com.