• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Ceni enaltece liderança de atletas experientes do Flamengo: “Honram a camisa”

O Flamengo sagrou-se bicampeão da Supercopa em uma partida repleta de emoções. Após sair atrás no placar no tempo regulamentar e na disputa de pênaltis, o Rubro-Negro fez valer a qualidade e garantiu uma virada quase improvável. Essa busca incessante pela vitória, principalmente por parte de atletas mais experientes, foi um dos pontos mais exaltados por Rogério Ceni na coletiva pós-jogo.

Sou muito feliz, porque os caras que trabalham comigo não lideram apenas pelas palavras, mas pelo exemplo. Eu acho que essa geração de jogadores mais experientes mostra que ainda tem fome de vencer. É o que falo para eles. Principalmente os mais experientes. Filipe Luis, Diegos, Everton, Arão… Não deixem essa oportunidade passar, construir essa era vencedora.

Quando passar, as pessoas vão achar que o tempo deles passou. O mais importante é: tem oportunidade de ser campeão, aproveite, não deixe passar. Mostramos que essa geração ainda continua honrando a camisa do Flamengo. Isso é o principal. O caráter dos jogadores do Flamengo que contagia os mais jovens -, disse.

Apoie o Mengão! Camisa e outros produtos oficiais em promoção

O jogo foi tudo aquilo que se esperava – e até mais. Com apenas um minuto de partida, o marcador apontava 1 a 0 para a equipe paulista, após falha daquele que seria o grande nome da conquista: Diego Alves. O Flamengo buscou o empate ainda na primeira etapa, quando a bola procurou Gabigol após linda jogada de Filipe Luís.

Nos acréscimos, Arrascaeta quase repetiu o que fez contra o Madureira, cortou para o meio da intermediária e tirou qualquer possibilidade de defesa do goleiro. O que se viu na segunda etapa, porém, foi um Flamengo mais defensivo – eficácia que só durou até os 26 minutos, quando o Palmeiras empatou após cobrança de pênalti de Raphael Veiga.

Nas penalidades, a experiência citada por Rogério Ceni veio pelas luvas de Diego Alves. As três defesas do goleiro rubro-negro fizeram com que Rodrigo Caio tivesse a oportunidade de decidir a partida. Feito. Assim, de forma emocionante, o técnico do Flamengo pôde comemorar sua segunda conquista no clube. O próximo desafio é pelo Carioca, no clássico contra o Vasco da Gama, às 21h (horário de Brasília) desta quarta-feira (13).

Publicado em colunadofla.com.