• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Ceo da Moss admite fanatismo pelo Flamengo e comenta sobre sorteios de Mantos à Nação

Há pouco mais de um mês, o Flamengo anunciou a parceira com a Moss Earth, empresa de crédito de carbono. A relação entre as partes tem dado tão certo que o patrocínio foi estendido ao basquete e aos esportes eletrônicos. Um personagem ativo no vínculo é Luis Felipe Adaime, CEO e fundador da empresa, que se tornou referência entre os rubro-negros.

Adaime é o principal nome da Moss e, ainda assim, mantém uma relação muito próxima dos demais torcedores do Flamengo. Rubro-Negro assumido, o fundador da empresa declarou o sonho que é investir no clube do coração e, além disso, justificou os sorteios de Manto Sagrado que realiza em seu perfil pessoal para a Nação. Ao todo, mais de 600 camisas foram sorteadas.

– É o sonho de todo torcedor. Sou fanático mesmo, fui em todos os jogos da Libertadores em 2019, fui a Lima e a Doha… Acho que o maior patrimônio do Flamengo é a torcida, é o que torna o Flamengo especial. Sempre pensei que um patrocinador deveria enaltecer e homenagear a torcida – antes de completar:

– A gente sabe da relação da torcida do Flamengo com a camisa, a única que chama de “Manto Sagrado”. Então, comecei como uma ação pessoal mesmo e é algo que quero manter. Muitos ali não têm condição de comprar uma camisa oficial. Em um momento difícil como o atual, trazer essa alegria tem um significado especial. Todo mundo sai ganhando. A torcida recebe um item apreciado por todos, eu ganho essa satisfação pessoal e a Moss fica associada a essa alegria na vida de uma pessoa. – finalizou em entrevista ao Lance!

Com a Moss nos meiões, o Flamengo se prepara para encarar o Fluminense, pela final do Campeonato Carioca. O duelo acontece no sábado (15), às 21h05 (horário de Brasília), no Maracanã. Para este clássico, a presença de público foi descartada, no entanto, para o segundo e decisivo embate, marcado para o dia 22, ainda há discussão para a liberação de 30% da capacidade do estádio.

Publicado em colunadofla.com.