• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

#COVID19: Dentro do grupo de risco, idosos recorrem a ajuda de vizinhos e familiares para cumprir quarentena

A pandemia do novo coronavírus assolou o Brasil e o mundo. Altamente contagioso, o COVID-19 preocupa ainda mais quando se trata do chamado ‘grupo de risco’. Dentre as pessoas que mais estão mais sujeitas ao perigo de ser infectadas pela doença, estão os idosos. Pessoas acima de 60 anos são consideradas de risco porque a própria idade já faz com que a capacidade do sistema imunológico de combater infecções seja menor. Sendo assim, aumenta-se o risco do vírus cair na corrente sanguínea, atingir os pulmões e provocar um pneumonia, o que agrava o quadro.

De acordo com dados do IBGE, mais de quatro milhões de idosos vivem sozinhos no Brasil e, além de estarem mais propensos à esta e a outras enfermidades, muitos idosos têm dificuldades para realizar tarefas cotidianas e seguir as orientações para evitar a propagação do COVID-19. Como uma das medidas principais é o isolamento social, a maioria dos comércios estão fechados e serviços não essenciais estão restritos. Para superar as adversidades neste momentos, alguns recorrem aos familiares, amigos e até mesmo aos vizinhos.

Em alguns lugares do Brasil, moradores de condomínios e prédios tiveram a iniciativa de oferecer ajuda aos idosos que vivem sozinhos. A ideia se espalhou e, muitas pessoas, por meio de bilhetes em elevadores, por exemplo, colocam seu nome, telefone e número do apartamento com objetivo de ajudar os idosos a se manterem isolados, em segurança.

Dados atualizados pelas secretarias estaduais de Saúde contabilizam mais de 2.980 infectados em todos os estados do Brasil. Entre os casos fatais, o número passa de 75. As principais recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), é permanecer em casa, em isolamento. Outra ação importante é cuidar da higiene das mãos. Lavá-las com água e sabão, e fazer uso álcool gel ajuda a frear significativamente o número de infectados pelo coronavírus.

Publicado em colunadofla.com.