Diretor do Flamengo revela que Leandro chorou ao lado de Abel antes de jogo contra o Peñarol

Diretor do Flamengo revela que Leandro chorou ao lado de Abel antes de jogo contra o Peñarol

No início deste mês, o Flamengo encarou o Peñarol em uma das maiores provas de fogo do primeiro semestre de 2019. Valendo a classificação para a segunda fase da Copa Libertadores da América, o Rubro-Negro visitou a equipe uruguaia no mítico estádio Campeon Del Siglo e garantiu a vaga nas oitavas após o empate por 0 a 0. E na preparação, o Fla contou com um reforço de peso: o ex-jogador Leandro, considerado um dos melhores jogadores da história do clube. E a ‘atuação’ de Leando nos bastidores parece, de fato, ter colaborado com a equipe, conforme revelou Cacau Cotta, diretor de relações externas.

Em entrevista concedida ao programa Os Donos da Bola, Cacau disse que Leandro teve conversa particular com o técnico Abel Braga. Em meio a isso, o dirigente ainda contou que, em dado momento, o ídolo esteve abraçado ao treinador em meio aos prantos. Além disso, jogadores também mostraram respeito e admiração pelo craque.

– Eu vou contar uma coisa que ninguém sabe. O Leandro viajou com a gente para o Uruguai, contra o Peñarol. Teve um momento em que ele passou por mim, abraçou o Abel e chorou, passou energia e falando com ele. No avião, o Everton Ribeiro pediu para ligar para o pai, porque o pai dele é fã do Leandro. Esse cara estar junto conosco em uma viagem pode parecer que não é nada. Mas esse cara estar junto com a gente faz diferença. E vamos fazer mais vezes. Depois do jogo, ele puxou o hino do Flamengo no avião, e os jogadores cantaram junto com ele -, revelou Cacau.

ASSISTA AO PROGRAMA NA ÍNTEGRA: