Diretor explica polêmica sobre a torcida: “Escrever uma palavra em inglês não é o natural de um torcedor comum”

Diretor explica polêmica sobre a torcida: “Escrever uma palavra em inglês não é o natural de um torcedor comum”

Após derrota para o Atlético Mineiro, com um jogador a mais durante mais de 45 minutos (Elias foi expulso ainda no primeiro tempo), a torcida rubro-negra pichou os muros do Ninho do Urubu e sede social do clube, na Gávea, em forma de protesto. Os alvos foram o treinador Abel Braga e o vice-presidente de relações externas, o BAP. No entanto, apesar de tudo isso, uma declaração do diretor de relações externas, Cacau Cotta, não foi bem quista pela torcida.

Durante o programa da FoxSports, o diretor voltou a polemizar, e ponderou: “A letra é espantosa como ela está arredondada e reta. Parece que foi feita no Word. E escrever Mickey, uma palavra em inglês, não é o natural de um torcedor comum“.

Devido a enxurrada de críticas que recebeu, o diretor do Flamengo, em suas redes sociais, tentou explicar o significado de sua frase, dizendo que depredar o patrimônio do Mais Querido não é uma atitude inteligente e, por isso, acreditou que o ato tenha sido político e profissional.

Clique aqui e faça parte do nosso canal do Telegram e receba todas as notícias em tempo real.