Espetáculo: Flamengo coloca o Fluminense na roda, vence por 2 a 0 e pode ampliar vantagem na liderança

Espetáculo: Flamengo coloca o Fluminense na roda, vence por 2 a 0 e pode ampliar vantagem na liderança

O Flamengo deu mais um espetáculo no Campeonato Brasileiro, e bateu o Fluminense pelo placar de 2 a 0, com direito a lei do ex de Gerson. Foram 90 minutos de amplo domínio da equipe comandada pelo técnico Jorge Jesus. O time não apresentou dificuldades para dominar as ações ofensivas e anular o rival dentro do Maracanã.

Com mais uma vitória, o clube da Gávea alcançou 64 pontos na competição nacional e ainda a possibilidade de aumentar a distância na liderança em caso de uma derrota do Palmeiras, vice-líder, para o Athletico Paranaense.

O JOGO

O primeiro tempo foi marcado por um jogo de só um time. O Flamengo amassou o Fluminense e sequer foi ameaçado nos 45 iniciais. Prova disso foram os 70% de posse de bola. A primeira grande chance da equipe surgiu logo aos dois minutos, com Gabigol, que chutou de dentro da área, mas foi parado por Muriel.

Um minuto depois, após escanteio batido por Vitinho, o Rubro-Negro abriu o placar no Maracanã e levou a torcida à loucura. Rodinei recebeu passe curto, levantou a bola na área, e Bruno Henrique – o Rei dos Clássicos – desviou de cabeça.

Gabigol voltou a incomodar o goleiro Muriel aos sete. O atacante disparou em velocidade, invadiu a área e bateu no cantinho. Entretanto, o goleiro do Flu voltou a fazer uma boa defesa para evitar o gol do clube da Gávea.

Vitinho ainda completou o bombardeio do Flamengo aos 31. Gabigol encontrou Bruno Henrique, que cruzou dentro da área para a chegada do camisa 11 de cabeça. A bola passou triscando a trave esquerda do goleiro Muriel. (Para não deixar passar: o Flamengo ainda contou com uma não marcação de pênalti de Anderson Daronco após Gabigol invadir a área e ser derrubado pelo jogador do Fluminense).

Com um “caminhão” de gols perdidos no primeiro tempo, o Rubro-Negro iniciou a etapa complementar já perdendo um grande oportunidade. Gabigol tentou aproveitar o vacilo de Frazan na defesa, logo no primeiro minuto, ficou cara a cara com Muriel, mas parou no goleiro rival depois de tentar driblá-lo.

Muito superior no clássico, o Fla voltou ao ataque e conseguiu ampliar a sua vantagem aos 20 minutos, com direito a ‘lei do ex’. Gabriel achou Gerson dentro da área, e o camisa 8 mostrou muita categoria ao cortar para o meio e chutar. A bola ainda sofreu desvio do defensor tricolor antes de balançar a meta de Muriel para encaminhar mais uma vitória do clube da Gávea no campeonato.



Canal no Telegram: Clique aqui e faça parte do nosso canal para receber todas as notícias em primeira mão.