Felicidade em dose dupla: Flamengo faz alegria de rubro-negros e apostadores no basquete

Felicidade em dose dupla: Flamengo faz alegria de rubro-negros e apostadores no basquete

O Flamengo derrotou o Franca no Maracanãzinho por 82 a 68 abriu 1 a 0 na melhor de cinco da decisão do NBB de 2018/19. Precisamos ganhar mais duas para nos sagrarmos campeões. Uma delas terá que ser dentro do ginásio Pedrocão, no interior de São Paulo. O Orgulho da Nação só tem direito a mais uma partida com seu mando de quadra, que será o jogo quatro, se for necessário. Confira abaixo os prêmios pagos e as últimas notícias, de acordo com o Oddsshark.com.

Prêmios pagos (segundo o Spin Sports): 

O Flamengo está mais perto de reconquistar o título do Campeonato Brasileiro Masculino de Basquetebol. Este troféu não vem para a Gávea desde a temporada 2015/16. Nas últimas duas, deu Bauru e Paulistano. O Franca tem uma seca de títulos pior e não dá a volta olímpica desde 1999.

No domingo, a vitória simples rubro-negra, contando apenas o tempo regulamentar, rendeu R$ 1,52 / um, de acordo com o moneyline.

Quem investiu na aposta futura (outright), retirou um pouco mais, R$ 1,56 / um, pois a peleja também incluiria uma eventual prorrogação.

Na modalidade do handicap asiático, quem colocou o Mengão com menos 8,5 pontos, se deu muito bem: R$ 2,39 / um no bolso destes flamenguistas.

O maior prêmio da rodada saiu para quem apostou que teríamos menos de 152 pontos ao longo dos quarenta minutos: excelentes R$ 3,40 / um. Já quem foi com menos sede ao pote e disse que teríamos menos de 160 pontos, viu R$ 2,19 / um entrarem na conta.

No basquete também tem chance dupla. “Flamengo ou empate” pagou R$ 1,46 / um, enquanto que “Flamengo ou Franca” gerou R$ 1,01 / um.

Finalmente, quem aplicou se o total de pontos era par ou ímpar tinha cinquenta por cento de chances de acertar. Quem riu por último resgatou R$ 1,91 / um.

Clique neste link do Oddsshark.com para mais informações.

A tabela da série

Flamengo 82, Franca 68

Quando a bola subiu, os dez jogadores deram o melhor de si. O primeiro quarto foi tão emocionante quanto imprevisível e terminou com a ligeira vantagem rubro-negra por 20 a 15. Se as bolas de Varejão, Deryk, Balbi, Nesbitt e Marquinhos caíam, as de Elinho, Cipolini e Jimmy deram o troco. A maior diferença a favor do Urubu estava nas arquibancadas. Sete mil pessoas empurravam o quinteto flamenguista.

No segundo quarto apareceu Olivinha. O craque do Flamengo desequilibrou o encontro. Ele acertou suas primeiras quatro bolas de três e ampliou a pontuação do time. O Franca bem que tentou responder, mas o Orgulho da Nação estava muito atento à marcação e conseguia pegar quase sempre os rebotes. No final do primeiro tempo, tínhamos uma margem de pontos considerável: 48 a 32.

Mas a parada ainda não estava definida. O Flamengo voltou do intervalo desatento e viu os paulistas rapidamente reduzirem cinco pontos da vantagem construída. O lance marcante deste período foi um toco de Ânderson Varejão. Ele voou em cima de uma mesa e a destruiu. A galera foi à loucura!

Os últimos dez minutos começaram com o Flamengo na frente por quinze pontos. Os comandados de Helinho tentaram impor um ritmo alucinante. Eles arremessaram de tudo que é jeito e marcaram muito forte. Não conseguiram. Em dez minutos, tiraram apenas um ponto e O Mais Querido do Brasil fechou em catorze pontos seu triunfo.

Ficha técnica

Flamengo: Franco Balbi, Marquinhos, Ânderson Varejão, Deryk Ramos e Olivinha. Entraram: Davi Rossetto, Mineiro, Jhonatan Santos, David Nesbitt, Kevin Crescenzi, Matheus Weber e Ruan Miranda. Técnico: Gustavo de Conti.

Franca: Lucas Dias, Jimmy Oliveira, David Jackson, Elinho e Lucas Cipolini. Entraram: Alexey Borges, Rafael Hettsheimeir, Didi, André Goes e Guilherme Abreu. Técnico: Helinho.

Local: Maracanãzinho.

Público presente: 7.000 pessoas.

Árbitro: Marcos Benito, Fernando Oliveira e Jacob Barreto.

Cestinha: Olivinha (23 pontos).

Assistências: Franco Balbi (8).

Percentual de 3 pontos: Alexey Borges (100%)

Rebotes: Olivinha (8).

Finais da Liga Ouro

Foram conhecidos os finalistas da Liga Ouro. Surpreendentemente, o melhor time da primeira fase foi eliminado nas semifinais. Pois é, o Londrina perdeu para a UNIFACISA da Paraíba, quarta colocada da temporada regular e está fora. O São Paulo precisou dos cinco duelos para eliminar o terceiro colocado Campo Mourão por 3 a 2.

São Paulo e UNIFACISA agora decidem o título e a vaga para o NBB de 2019/20. É sempre bom lembrar que o Joinville terminou o Brasileirão em último lugar e foi rebaixado.

Final, jogo 1:
Domingo, 19 de maio
Flamengo 82×68 Franca (R$ 1,52)

Jogo 2:
Quinta-feira, 23 de maio:
20h00: Franca x Flamengo

Jogo 3:
Sábado, 25 de maio:
14h30: Franca x Flamengo

 

Clique aqui e faça parte do nosso canal do Telegram e receba todas as notícias em tempo real.