O atacante Michael foi apresentado pelo Flamengo na tarde desta terça-feira, no Ninho do Urubu, depois de ter treinado pela manhã no CT do clube.

A apresentação foi feita pelo vice de futebol Marcos Braz e o diretor Bruno Spindel.

- Ele vem fortalecer o elenco, nos ajudar. A contratação do Michael vem impor ao mercado o tamanho do Flamengo, e a disposição quando vai para o mercado. Quando o Flamengo entende que os números estão adequados, consegue trazer o jogador, mesmo com os outros clubes tentando se reforçar - afirmou Marcos Braz, que agradeceu ao Goiás e ao empresário do atleta, Eduardo Maluf.

O jogador chegou como reforço contratado por R$ 34 milhões, depois de ser a revelação do Brasileiro de 2019.

- Tenho que responder dentro de campo, demonstrar que valeu à pena - afirmou o jogador, que vestirá a camisa 19, que era de Reinier.

- Pretendo honrar muito essa camisa. A grandeza do clube conta muito. Qualquer atleta quer estar aqui.

Aos 23 anos, o jovem é opção para o técnico Jorge Jesus em um elenco que dispõe de diversos nomes para o ataque.

Entre eles, outro reforço, Pedro Rocha, além dos atletas que já fazem parte do grupo, como Gabigol, Bruno Henrique, Arrascaeta, Vitinho e Berrío.

- Conversei um pouco com o Mister, com outros jogadores, preparadores. Espero que seja um ano abençoado - pontuou o jogador.

Michael foi aprovado nos exames médicos e finalizou as avaliações físicas antes de ir a campo treinar com bola esta semana.

O anúncio aconteceu na última segunda-feira, depois de o Flamengo conseguir finalizar a documentação de transferência ao Goiás e ao Goianésia, clubes que detinham 75% e 5% dos direitos econômicos de Michael.

O jogador chegou ao Rio na última segunda-feira, dia 13, e a torcida ficou ansiosa pelo anúncio e a apresentação, já que o desfecho da contratação demorou mais que o esperado por indefinição dos valores a serem pagos.

CONFIRA OUTRAS RESPOSTAS DE MICHAEL:

História de superação

Tudo é possível para aquele que crê, que corre atrás, que persiste. A chance de dar êxito é maior. Todos temos dificuldades, erros. Temos passado, onde sofreu, erraram, acertaram. Todos quando chegaram até aqui tiveram um crescimento, assim como eu. Tive um crescimento, hoje posso vestir a camisa do Flamengo. Agradeço todos os dias por cada oportunidade. Agora tenho que fazer em campo. As palavras voam. As atitudes ficam.

História no Flamengo

Venho para cá para ganhar títulos. Eles vêm de títulos importantes. Que eu quero conquistar também. Não chego para ser melhor que ninguém. Quero contribuir para felicade minha, do grupo e da Nação.