Renato Gaúcho foi oficialmente desligado do Flamengo nesta segunda-feira, após perder o título da Libertadores no último sábado. O técnico, que ficou pouco mais de quatro meses no cargo, encerra uma temporada sem tíitulos pela primeira vez desde 2015.

"O Clube de Regatas do Flamengo informa que, após conversa entre as partes, o técnico Renato Gaúcho não comanda mais o time principal", informou o clube..



Demitido pelo Grêmio e depois pelo rubro-negro, Renato passou em branco a temporada de 2021 após cinco ano seguidos enfileirando títulos importantes, tanto nacionais quanto internacionais.

No comando da equipe Gaúcha, ele foi campeão da Copa do Brasil em 2016, e da Libertadores no ano seguinte. Em 2018 levantou a taça da Recopa Sul-Americana e do Campeonato Gaúcho. O título do estadual também veio em 2019 e 2020.

Neste ano, o Grêmio conquistou novamente o Gauchão em cima do Internacional já após a saída de Renato. No Flamengo, o técnico não conseguiu alcançar o líder do Braisleirão, Atlético-MG e acabou com o vice da Libertadores, além de ter sido eliminado para o Athletico nas semifinais da Copa do Brasil.