Flamengo espera afastar crise do ataque em clássico com o Vasco em Brasília

Flamengo espera afastar crise do ataque em clássico com o Vasco em Brasília

Passado o empate ​sem gols com o Corinthians na última quarta-feira, o Flamengo "muda a chave" para se dedicar ao clássico com os rivais vascaínos na noite de sábado. A partida marcada para o estádio Mané Garrincha, em Brasília, promete fortes emoções. Enquanto o Rubro-Negro segue sua caçada de volta à liderança, o Vasco entrou no Z-4 e precisa desesperadamente da vitória. 

Todo esse contexto faz com que a preocupação aumente ainda mais dentro da Gávea. A escassez de gols e produções ofensivas concretas por parte dos centroavantes do elenco vem tirando o sono de todos os envolvidos. O último do setor a balançar a rede foi Henrique Dourado, em 12 de agosto, contra o Cruzeiro pelo Campeonato Brasileiro​. Já Lincoln e Uribe estão há mais de um mês e meio sem marcar. Números que assustam e evidenciam a necessidade de mudanças:

Flamengo v Cruzeiro - Copa CONMEBOL Libertadores 2018

"Sabemos que temos que melhorar em algumas áreas, criar mais, mas temos pouca margem para corrigir os erros pela falta de semanas para trabalhar. Porém, vamos buscar melhorias", resumiu o treinador Mauricio Barbieri.

Nada melhor do que afastar a má-fase diante de um rival. É com essa ideia que os flamenguistas trabalham (e torcem). Para que surja um "carrasco", como já aconteceu tantas e tantas vezes na história do confronto