Flamengo pagará multa por comemoração da Libertadores com filhos de jogadores

Flamengo pagará multa por comemoração da Libertadores com filhos de jogadores

A Conmebol abriu um processo contra o Flamengo por causa da comemoração dos jogadores com seus filhos na final da Copa Libertadores de 2019. O Rubro-Negro terá que pagar uma multa porque cometeu um erro na celebração, quando as crianças estavam junto com os atletas quando a taça foi levantada no pódio, algo que não é permitido pela entidade. É o que informa o jornal argentino Olé" nesta sexta-feira.

Isso é contrário aos artigos 105 e 163 do Regulamento da Conmebol Libertadores de 2019, e está prevista uma multa mínima de US$ 15 mil (cerca de R$ 63 mil). O Flamengo terá até a próxima segunda-feira, dia 9, para apresentar a sua defesa.Caso contrário, a Conmebol notificará a diretoria sobre o valor da multa.

O artigo 105 diz que "não será permitido, antes ou depois de qualquer jogo, em qualquer fase do torneio, a entrada no campo de jogadores acompanhada de crianças, exceto o protocolo oficial de entrada de jogadores e outras ações organizadas diretamente pela Conmebol, criaturas ou bebês, bem como animais de estimação institucionais. A violação dessa obrigação implicará a imposição de sanções ao clube responsável pelos órgãos disciplinares da Conmebol, incluindo uma multa mínima de US$ 15.000".

Já o artigo 163 diz que "impede a presença de animais de estimação institucionais no campo de jogos ou áreas adjacentes e a entrada com crianças ou bebês".



Canal no Telegram: Clique aqui e faça parte do nosso canal para receber todas as notícias em primeira mão.