• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Lille confirma diagnóstico, opta por cirurgia e Thiago Maia deve operar nesta terça

Thiago Maia saiu lesionado durante a partida contra o Atlético Goianiense. De acordo com os exames realizados pelo Flamengo, foi constatada uma grave lesão no ligamento do joelho esquerdo e, desta forma, o volante está fora do restante da temporada. Após a indefinição sobre o tratamento, o médico contratado pelo Lille, clube que detém os direitos do atleta, confirmou o diagnóstico e o camisa 33 pode ser operado já nesta terça-feira (01).
Vale ressaltar que, inicialmente, o Rubro-Negro e Thiago Maia haviam optado pelo tratamento mais conservador, ou seja, sem a realização da cirurgia. No entanto, o Lille optou pelo procedimento cirúrgico após avaliação dos exames. Desta forma, o Flamengo cedeu e a cirurgia chegou a ser marcada para o último dia 20, porém, em cima da hora, o clube francês pediu para que uma nova data fosse agendada.
A princípio, Lille queria avaliar Thiago Maia pessoalmente para confirmar o diagnóstico, entretanto, por conta da logística durante a pandemia, a situação ficou um pouco mais complicada. Assim, o clube francês contratou um médico argentino, que já havia prestado serviço a eles, para analisar o atleta. No último domingo (29), o profissional escolhido esteve no CT Ninho do Urubu e avaliou o volante. A projeção é de que o jogador fique fora dos gramados de quatro a seis meses. A informação foi inicialmente divulgada pelo Jornal O Dia.

Devido à ausência até o restante da temporada, Thiago Maia vai precisar correr contra o tempo para permanecer no Flamengo. Isso porque, o contrato de empréstimo se encerra em junho de 2021, porém, há uma cláusula de opção de compra em definitivo e o Rubro-Negro terá de desembolsar 7 milhões de euros, cerca de 46 milhões de reais na cotação atual, por apenas 50% dos direitos econômicos do atleta.

Publicado em colunadofla.com.