• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Marcos Braz ameaça deixar o cargo em caso de demissão de Domènec no Flamengo, diz jornal

A pressão por resultado no Flamengo sempre foi absurdamente alta. Porém, Domènec Torrent vive uma situação ainda mais complicada: substituir um dos técnicos mais vencedores da história do clube, Jorge Jesus. Os resultados e o desempenho da equipe fazem com que uma parte da diretoria pense na troca de comando, mas Marcos Braz, vice-presidente de futebol, não deseja que isso aconteça.

 

De acordo com o jornal O Globo, o vice-presidente comunicou a outros dirigentes que caso cheguem ao consenso pela demissão de Domènec, ele também pedirá para sair. Com isso, uma reformulação na ala que comanda o futebol teria que acontecer. Marcos Braz é quem convive nos vestiários com os jogadores, sendo o elo de ligação entre diretoria e elenco.

Por conta da decisão de Braz, os dirigentes ainda não cogitam trocar o comando técnico do time. Porém, sabe-se da importância que tem uma vitória em cima do Barcelona de Guayaquil, na terça-feira (22), pela Libertadores da América. Luiz Eduardo Baptista, vice de relações externas do clube, não esconde o desejo por outro treinador. Após a saída de Jorge Jesus, BAP fez lobby a favor de Miguel Angel Ramirez, do Independiente Del Valle.

No momento, é improvável que aconteça uma reformulação no futebol do Flamengo. A decisão teria que partir do presidente Rodolfo Landim, que ainda analisa friamente os fatos. Porém, caso a situação com Domènec fique insustentável no clube carioca, a demissão terá que ser minuciosamente debatida entre os dirigentes da alta cúpula rubro-negra.

Publicado em colunadofla.com.