• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Martelo batido! Justiça determina pagamento de R$ 50 mil por parte do Flamengo, após gritos homofóbicos

O Flamengo foi julgado e condenado pelo TJD/RJ (Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro) na tarde desta quinta-feira (20), a pagar R$ 50 mil pelo gritos homofóbicos de parte da torcida durante o clássico contra o Fluminense, na semifinal da Taça Guanabara.

De acordo com a decisão judicial, não foi entendido que houve um caso de homofobia, mas sim de ofensa à torcida adversária. Conforme o Código Brasileiro de Justiça Desportiva, o Rubro-Negro foi absolvido no artigo 243-G que fala sobre a prática de ato discriminatórios, porém foi condenado no 191, no qual significa “deixar de cumprir ou dificultar o cumprimento de regulamento de competição”.

Não perca: Flamengo x Del Valle, na internet, você só vê aqui!

Nos últimos jogos, a torcida tricolor passou a provocar os rubro-negros gritando na arquibancada “paguem as famílias” e “time de assassino“. O Fluminense chegou a ser denunciado pelo TJD/RJ, mas o resultado foi apenas uma advertência por parte do Tribunal. Desde então, os clássicos têm sido marcados por cânticos ofensivos.

Publicado em colunadofla.com.