• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

“Não teve conversa direta com o elenco”, dispara dirigente do Flamengo, dois dias após goleada

No último sábado (19), o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, quebrou o silêncio após a goleada sofrida pelo Mais Querido na Copa Libertadores da América, e concedeu uma entrevista coletiva para esclarecer o ocorrido. Dois dias depois do vexame, o dirigente, em uma de suas declarações, informou que ainda não havia realizado nenhuma conversa direta com o elenco, mas que não faltaria tempo para tratar o assunto.

Não teve conversa direta com o elenco, mas vamos ficar muito tempo juntos. A gente vai ter cinco dias depois do resultado de 5 a 0. Todos estão trabalhando aqui. Não dá para entender, eu não quero que a torcida entenda a derrota de 5 a0. Muitas vezes, nem eu entendo -, disparou o dirigente.

A goleada de 5×0, sofrida pelo atual campeão da América, exaltou os ânimos da Maior Torcida do Mundo, que não engoliu o mal desempenho do Flamengo na partida contra o Independiente Del Valle. Pressionado, o Rubro-Negro volta aos gramados na próxima terça-feira (22), precisando de uma vitória para garantir três pontos na tabela e buscar classificação para as oitavas de final da Copa Libertadores.

Ainda no Equador, no último sábado (19), o Flamengo deu início aos trabalhos visando o confronto contra o Barcelona e Guayaquil, último colocado do grupo A. O jogo, válido pela quarta rodada da fase de grupos, será disputado no estádio Monumental de Barcelona, às 19h15 (horário de Brasília).

Publicado em colunadofla.com.