Participação de Paquetá e confirmação de desfalques: tudo o que rolou no treino do Flamengo

Participação de Paquetá e confirmação de desfalques: tudo o que rolou no treino do Flamengo

O Flamengo treinou pela primeira vez, na tarde desta quarta-feira (10), desde a venda do meia Lucas Paquetá ao Milan, da Itália, por 35 milhões de euros (aproximadamente R$ 150 milhões). Embora a saída do jogador só ocorra de fato em janeiro, após o final da temporada em solo brasileiro, a novidade da negociação mexe com o ambiente da equipe. No entanto, a atividade comandada por Dorival Júnior transcorreu normalmente, com o atleta normalmente em campo e as confirmações dos desfalques de Diego Alves e Diego.

Enquanto o zagueiro Rhodolfo trabalhou normalmente com o restante de seus companheiros, o goleiro Diego Alves e o meia Diego Ribas apenas correram em volta do gramado mais uma vez. Os dois atletas serão desfalques para Dorival Júnior no clássico contra o Fluminense, próximo desafio da equipe no Campeonato Brasileiro.

Lucas Paquetá, que renderá aos cofres rubro-negros R$ 105 milhões – o Flamengo possui 70% de seus direitos econômicos – mais bonificações por seu rendimento, treinou com o restante do time. Durante a atividade, aperfeiçoou as finalizações, enquanto o lateral direito Pará treinava os cruzamentos.

Após o fim dos trabalhos, enquanto a maioria dos jogadores já deixava o gramado do Ninho do Urubu, alguns atletas do setor ofensivo pararam para treinar finalizações. Atualmente, nenhum deles é titular da equipe: Geuvânio, Berrío, Dourado, Lincoln e Marlos Moreno (que não marca há dois anos).

Ainda houve tempo para uma brincadeira mais relaxada entre os colombianos Uribe e Cuéllar e o lateral direito Rodinei, que ao ser derrotado pelo volante, não ficou feliz.

O Flamengo usa a semana para se preparar para o clássico contra o Fluminense, a ser disputado no próximo sábado (13), no Maracanã, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. O torneio é a última chance de título do Rubro-Negro na temporada, e quatro pontos separam o clube, terceiro colocado, do líder Palmeiras. A bola rola no Rio de Janeiro às 17h (horário de Brasília).