Rafinha exalta torcida do Flamengo e projeta: “Qualquer dia eu tenho que ir lá no meio”

Rafinha exalta torcida do Flamengo e projeta: “Qualquer dia eu tenho que ir lá no meio”

Rafinha foi uma das maiores contratações do Flamengo para a temporada. O lateral-direito saiu da Europa para defender o Manto Sagrado e é uma verdadeira definição de ‘raça’ em campo. O camisa 13 é xodó da torcida e revelou vontade de estar na arquibancada.

Estávamos eu, Filipe Luís e Rodolfo, eu falei: qualquer dia eu tenho que ir lá no meio dessa torcida aí, cara (…) Tem que fazer alguma coisa. Outro dia o Diego foi ali, né, de urubu. Vamos ver se dá para a gente fazer alguma coisa. Vai ser meio difícil, se os torcedores reconhecerem a gente lá, estamos pegos, mas vamos ver se a gente consegue -, afirmou.

Rafinha demonstrou muita identificação com a Maior Torcida do Mundo desde que chegou. O lateral-direito é a uma das grandes representações do torcedor no gramado. Em entrevista à FlaTV, falou sobre suas músicas preferidas.

Tem que ver. Eu gosto, gosto de música, de ouvir os cantos da torcida do Flamengo. Tem várias (preferidas). Aquela do mundial “em dezembro de 81”, aquela ali é fera, inflama, não tem jeito, todo mundo ali do banco arrepia. Aquela outra também “eu sempre te amarei”, são várias músicas que arrepiam, não tem jeito. Quando você está ali no banco então, você quer entrar, quer ficar doido. Maa é bacana, a torcida do Flamengo dá show, completou o camisa 13.

Venha fazer o seu FlaCard, o cartão rubro-negro, que você pode usar para jogos, ingressos de shows e muito mais, além de TORNAR O MENGÃO MAIS FORTE!

Rafinha está suspenso por terceiro cartão amarelo e não joga a partida do próximo domingo, contra o Bahia, no Maracanã, às 18h (de Brasília). Será que o lateral vai aproveitar a oportunidade e assistir o duelo do meio da galera?

Compartilhe


Canal no Telegram: Clique aqui e faça parte do nosso canal para receber todas as notícias em primeira mão.