• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • OCTACAMPEÃO BRASILEIRO

Renato iguala treinador lendário do Flamengo e agora busca marca de Jorge Jesus

Esse Flamengo de Renato Gaúcho não é mesmo de brincadeira. O início da nova era é de recordes, quebra de tabus e escritas. Com a vitória sobre o Corinthians, neste domingo (01), o atual treinador igualou a marca do lendário Dori Krueschner. Em 1937, o húngaro venceu os seus primeiros seis jogos à frente do Mais Querido.

Mesmo sem conquistar títulos, Krueschner era considerado revolucionário em sua época e até hoje é lembrado como um dos grandes treinadores da história. A diferença para Renato é que os seus primeiros seis jogos vencidos foram contra duas equipes amadoras: Light Tração (RJ) e Siderúrgica (MG). As demais foram sobre Atlético Mineiro, Rio Branco (RJ), América (RJ) (duas vezes) e Portuguesa (SP).

Além de Corinthians, sob o comando de Renato Gaúcho, o Flamengo venceu o Defensa y Justicia (duas vezes), pela Libertadores, São Paulo, Bahia e ABC, pelo Brasileirão e Copa do Brasil, respectivamente. Foram marcados 24 gols e a defesa foi vazada somente três vezes.

Estou satisfeito, porque nosso dia a dia tem sido de muito trabalho e alegria e essa alegria está sendo levada para dentro do campo. Temos feito boas atuações e conseguidos os resultados que nos interessam. Por enquanto tem dado certo“, disse Renato.

Agora, o atual treinador mira a marca de Jorge Jesus para bater a maior série de resultados positivos. Em 2020, entre janeiro de julho, o português alcançou o número de 10 jogos sem perder: Boavista (duas vezes), Independiente del Valle (EQU), Cabofriense, Junior Barranquilla (COL), Botafogo, Barcelona (EQU), Portuguesa, Bangu e Volta Redonda.

O Flamengo volta a campo nesta quinta (05), às 21h30m (horário de Brasília), na Arena das Dunas, em Natal, para enfrentar o ABC, pela segunda partida das oitavas de final da Copa do Brasil. Após vence o primeiro duelo por 6 a 0, o Mais Querido vai com um time recheado de jogadores das categorias da base e será comandado por Marcelo Salles, o “Fera”. Você pode acompanhar o confronto na transmissão mais Rubro-Negra da internet, no Coluna do Fla, via Youtube.

Publicado em colunadofla.com.