Sem contratações, Flamengo eSports volta aos treinos para o segundo split do CBLOL

Sem contratações, Flamengo eSports volta aos treinos para o segundo split do CBLOL

O Flamengo entrou no mundo dos esportes eletrônicos, mas ficou três vezes na trave. Ainda no seu primeiro ano de criação, o Mais Querido perdeu a final para a Ilha da Macacada Gaming, atual Uppercut, mas conseguiu se classificar à elite do Campeonato Brasileiro de League of Legends por meio do Relegation. Depois foram dois vices seguidos: em 2018, no segundo split, e agora, em 2019, no primeiro. Apesar dos revés, o torcedor acredita que a modalidade possa alavancar depois do primeiro título. Os jogos retornam no dia 01/06, e a equipe abre o segundo split contra a paiN Gaming.

O rubro-negros seguem treinando em gaming office , ou seja, num ambiente alugado somente para isso. No Brasil, é comum que todos os jogadores morem em uma casa – home office. Visando aprimorar a performance dentro do Campo da Justiça, o toplaner Leonardo “Robo” Souza e o suporte Chang-hoon “Luci” Han foram à Coreia. As informações da volta aos treinos foi repassada pelo perfil oficial do clube nas redes sociais.

A equipe de esportes eletrônicos do Flamengo possui dois treinadores e um analista: Jordan “Grey” Corby, Gabriel “Von” Barbosa e Sang-hyun “Reven” Sung, o “FLAnálista“. Veja a lineup completa:

Topo: Leonardo “Robo” Souza
Caçador: Beyong-hoon “Shrimp” Lee
Meio: Bruno “Goku” Miyaguchi
Atirador: Felipe “brTT” Gonçalves
Suporte: Chang-hoon “Luci” Han

Vale ressaltar que, apesar de ser analista de equipe, “Reven” está inscrito como jogador reserva, assim como o jovem Gabriel “Juzinho” Nishimura, apontado por muitos como sucessor de “brTT“, ao lado de Alexandre “TitaN”, atualmente na RED Canids.