• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Sem Flamengo, Botafogo e Fluminense criam associação para assuntos comerciais e direitos de transmissão

O Flamengo tomou a iniciativa e liderou a questão dos direitos de transmissão, que já vinha sendo debatida entre os clubes há anos, mas sem nenhuma movimentação mais efetiva. O Rubro-Negro se reuniu com o presidente da república, Jair Bolsonaro, que assinou a Medida Provisória 984, que dá direito ao mandante dos jogos o poder de vender ou negociar com a empresa que desejar a transmissão de partidas. Pensando nisso, Botafogo e Fluminense criaram uma associação, MAS sem participação do Fla.

A intenção dos dirigentes da dupla é de que a associação, criada através de uma SPE (Sociedade de Propósito Específico), sirva para discutir interesses em comum entre Fluminense, Botafogo e equipes do futebol nacional. Presidente do Alvinegro, Nelson Mufarrej admitiu que irá convidar outros clubes. Com isso, o Fla deve receber convite para participar junto aos rivais.

Temos conversado sobre a criação de uma associação que permita os clubes se unirem em prol de interesses em comum, especialmente nos assuntos comerciais e de direitos. Fazemos questão de convidar outros clubes para se juntarem a nós nessa cruzada. Sem individualidades. Ninguém joga futebol sozinho -, disse, em entrevista ao Globo Esporte, antes de prosseguir:

Os direitos de transmissão, para muitos clubes, significam o grosso das receitas.O que incomoda é a forma como foi conduzida a questão, com açodamento, de forma individualizada. Não se trata de interesse individual. Futebol não se joga sozinho. É um tema para se envolver todos os clubes, não apenas um, ser discutido com cautela -, ponderou o mandatário do Botafogo, que concluiu:

Não vou entrar nem no mérito da constitucionalidade da Medida Provisória, que pressupõe ser usada em situações em que há caráter de urgência. Quando tomei conhecimento, logo ensejei discussões internas envolvendo o comercial, o marketing, o jurídico e a transição da S/A. Trouxe todos à baila para encaminhar uma posição institucional sobre o assunto -, encerrou.

Na lei que vigora atualmente no Brasil, uma emissora precisa ter os direitos de transmissão do mandante e visitante para que transmita a partida. Com a Medida Provisória 984, basta a empresa acertar com o mandante, que poderá transmitir os jogos. A associação criada por Botafogo e Fluminense, dentre outros temas, deve discutir fortemente a MP assinada por Jair Bolsonaro.

Publicado em colunadofla.com.